Mentor de latrocínio é detido no Mato Grosso

A Polícia Civil prendeu um rapaz de 19 anos acusado de ser o “mentor” do assassinato do operador de caixa Luis Fernando Moura, 30. O suspeito estaria na casa de parentes em Poconé, no Mato Grosso. Outro suspeito, que tem a mesma idade e também teria participado do crime, foi localizado pelos investigadores em Jandaia do Sul, no Paraná, em 22 de fevereiro. De acordo com a polícia, a vítima foi estrangulada até a morte e o corpo abandonado em um matagal próximo ao bairro Santa Rosa, no dia 16 de fevereiro. Moura tinha ferimentos no rosto e um cadarço amarrado no pescoço.
 
A investigação foi feira através do Setor de Inteligência da DIG (Delegacia de Investigações Gerais) e Dise (Delegacia de Investigações Sobre Entorpecentes), com apoio da Central de Polícia Judiciária de Presidente Venceslau. O inquérito policial foi conduzido pelo delegado da DIG, Demétrios Gondim Coelho.
 
“Conseguimos confirmar que estava na casa de parentes em outro Estado. Após o trabalho conjunto de investigação entre a Polícia Civil dos Estados de São Paulo e Mato Grosso, policiais do núcleo de inteligência da corporação de Cuiabá detiveram o outro envolvido”, informou um dos investigadores que atuou no caso.
 
Segundo a polícia, nos próximos dias, uma escolta deverá se dirigir até o Estado do Mato Grosso para conduzir o preso até Piracicaba, onde será formalmente indiciado pelo delegado Demétrios Gondim Coelho e permanecerá preso à disposição da Justiça .