Minicurso “Mulheres em Expansão” terá renda revertida para Projeto Heroica

Presidente do Heroica Simone Seghese de Toledo afirma que a mulher precisa ficar inteira antes de qualquer tipo de relacionamento. (Claudinho Coradini/JP)

O minicurso “Mulheres em Expansão” será promovido nesta quinta-feira (6) e ministrado por Elen Contro, psicóloga, diretora do Humano Mais e coordenadora do Núcleo de Psicologia.  Toda a renda será revertida para o projeto que atende mulheres em situação de vulnerabilidade social. O evento acontecerá nesta quinta-feira (6), no Hotel Antonio’s, na avenida Independência, 2.805, no bairro Cidade Alta, em Piracicaba. As inscrições poderão ser realizadas pelo site www.sympla.com.br/mulheres-em-expansao__508874. O valor é R$ 60,00 e será revertido para o Projeto Heroica, que atende mulheres em situação de vulnerabilidade de Piracicaba e região.

Durante o evento, serão abordados temas como os desafios da mulher na atualidade, os medos de se libertar, os hábitos de “boa menina” e como eles influenciam nas decisões e progressões das mulheres, sobre onde e como o entusiasmo e os propósitos começam e ainda falaremos sobre responsabilidades, relacionamentos e analfabetismo emocional.

A presidente e idealizada do Projeto Heroica, a advogada Simone Seghese de Toledo disse que o minicurso será importante para fazer com que a mulher possa entender que está em situação diferente do homem e com mais ousadia.

“Percebemos que está aumentando os casos de depressão principalmente entre as mulheres, pois muitas acabam olhando para os outros primeiro do que para elas mesmas. Vive a vida do companheiro e dos filhos e quando eles se ausentam por qualquer motivo, percebem o vazio que sentem. O importante é que tenham a consciência de que antes de serem algo junto com o outro, primeiro precisa perceber que é inteira sozinha. Dessa forma será uma irmã, mãe ou companheira muito melhor”, enfatizou Simone.

O Heroica tem menos de dois anos e já atendeu mais de 100 mulheres. As pessoas que quiserem conhecer um pouco mais sobre o projeto ou integrar a equipe de voluntários deve entrar em contato com a advogada pelo e-mail [email protected], ou pelas redes sociais Facebook ou Instagram.

 

Cristiani Azanha