Motociclista de 46 anos morre após atropelar pedestre

Impacto fez motociclista bater a cabeça com força no chão. (Foto: Amanda Vieira/JP)

Um motociclista de 46 a n o s m o r re u a p ó s atropelar um pedestre na Vila Sônia, no domingo (8) à noite. Devido ao impacto, o condutor da moto caiu e bateu a cabeça ao chão. Ele chegou a ser socorrido à UPA (Unidade de Pronto Atendimento) do bairro, mas morreu enquanto recebia os atendimentos médicos.

O pedestre foi socorrido ao Hospital Fornecedores de Cana, onde permanecia internado até a tarde de segunda-feira (9). Segundo o boletim de ocorrência, o acidente ocorreu às 23h de domingo, na rua Corcovado. Os policiais militares apuraram que o motociclista seguia pela rua, quando teria atingido um carpinteiro de 53 anos. Após o atropelamento, o piloto da moto teria se desequilibrado e caiu ao chão. Ele chegou a ser socorrido pelos atendentes do Samu (Serviço de Atendimento Móvel de Urgência), mas não resistiu.

Já o carpinteiro foi socorrido pela equipe Resgate do Corpo de Bombeiros ao hospital, onde permanecia internado. Os policiais militares preservaram o local do acidente até a chegada dos peritos do IC (Instituto de Criminalística) que fizeram o levantamento sobre as circunstâncias do acidente.

A motocicleta foi liberada para o irmão do motociclista, pois estava com a documentação em ordem. O boletim de ocorrência sobre o caso foi registrado no plantão policial como homicídio culposo na direção de veículo automotor. As circunstâncias sobre o ocorrido serão apurados por meio de inquérito policial no 5º Distrito Policial. Dia 14 de agosto, outro motociclista morreu após se envolver em um acidente com um caminhão no quilômetro 136, da Rodovia Deputado Laércio Corte (SP-147), no trecho Piracicaba a Limeira.

A equipe aeromédica do helicóptero Águia da Polícia Militar de Campinas pousou na rodovia. A vítima sofreu uma parada cardiorrespiratória enquanto recebia os primeiros atendimentos dos socorristas do Samu, mas ela não resistiu.

Cristiani Azanha
[email protected]