Motociclista morre após bater em caminhão na SP-147; Águia tentou auxiliar no atendimento

Águia da PM pousou na rodovia (Divulgação)

Um motociclista morreu após se envolver em um acidente com um caminhão no quilômetro 136, da  Rodovia Deputado Laércio Corte (SP-147),  no trecho Piracicaba a Limeira, na tarde de ontem. A equipe aeromédica do helicóptero Águia da Polícia Militar de Campinas pousou na rodovia. A vítima sofreu uma parada cardiorrespiratória enquanto enquanto recebia os primeiros atendimentos dos socorristas do Samu (Serviço de Atendimento Móvel de Urgência),  mas ela não resistiu.

O trânsito ficou interditado por aproximadamente uma hora. A aeronave pousou na rodovia. A equipe se preparava para fazer a remoção do motociclista, mas ele não resistiu.

As circunstâncias do acidente serão apuradas posteriormente pela Polícia Civil. O corpo da vítima foi encaminhado ao IML (Instituto Médico Legal) de Americana para fazer o exame necroscópico para confirmar a causa da morte, antes de ser liberado aos familiares para providenciarem o sepultamento.

OUTROS CASOS

No mês passado, outro motociclista morreu no quilômetro 141 da mesma rodovia após bater em um veículo Fiat Uno. O resgate do Corpo de Bombeiros foi acionado para o atendimento do motociclista, mas ele não resistiu. Uma mulher, que estava na garupa da moto informou à PM, que o motorista do carro mudou de faixa repentinamente.

O motorista do Uno apresentou outra versão. Alegou que seguia pela faixa da direita da rodovia, quando ouviu o barulho da colisão. A garupa da moto sofreu ferimentos leves. Ela foi conduzida à UPA (Unidade de Pronto Atendimento) Vila Rezende, onde passou por atendimento e depois recebeu alta médica.

Na mesma época do ano passado, outro motociclista também não resistiu após bater seu veículo na defesa metálica da SP-147. Após o impacto, ele caiu de uma ribanceira de aproximadamente dois metros e morreu no local. Um adolescente de 16 anos, que estava na garupa, conseguiu caminhar até o CDP (Centro de Detenção Provisória), onde pediu ajuda. Ele foi socorrido e sobreviveu.

 

Cristiani Azanha

[email protected]