Mulheres ganham 25% menos que os homens

Qualidades femininas garantem ótimas lideranças (Foto: Freepik) Qualidades femininas garantem ótimas lideranças (Foto: Freepik)

O Dia Internacional da Mulher foi comemorado ontem, como forma de lembrar a importância do gênero. A data passou a ser celebrada em alguns países no início do século 20, por meio de lutas femininas pelo direito ao voto e melhores condições de trabalho.

Um século se passou e as mulheres continuam recebendo salários 25% menores dos que os homens, mesmo sendo a maioria com ensino superior, segundo dados do IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística). De acordo com a revista americana de negócios “Fortune”, em uma lista de 500 CEOs, apenas 32 são mulheres. A previsão para 2025 é que esse índice aumente apenas 20%.

De acordo com Flora Alves,  Chief Legal Office da SG – Aprendizagem Corporativa, é importante que as empresas incentivem a pluralidade e, por consequência, a liderança feminina. “Está clara a existência de um desequilíbrio na vida profissional e pessoal das mulheres que as leva a escolher entre uma realização ou outra. As experiências de casar e engravidar fazem parte de um ciclo natural, mas as executivas de sucesso tiveram que abrir mão de vontades pessoais em algum momento enquanto que os CEOs provavelmente construíram uma família sem preocupações com a carreira”, afirma ela.

Algumas qualidades muito presentes em grande parte das mulheres pode fazer delas ótimas pessoas para liderar e carregar grandes responsabilidades.

COMUNICAÇÃO

As mulheres se comunicam de forma eficiente, escutam com atenção e são cuidadosas para escolher as palavras, o que faz delas líderes acessíveis. A líder feminina tem facilidade de estabelecer uma comunicação de confiança com o time, a fim de esclarecer os objetivos da organização, o papel de cada um nesta missão e os caminhos a serem percorridos no alcance do desempenho esperado. Essa qualidade cativa tanto os funcionários quanto clientes.

SENSIBILIDADE

A sensibilidade pode estar ligada à capacidade crítica de perceber oportunidades e os desejos do mercado. As mulheres, detentoras dessa característica, podem ser mais aptas do que os homens a perceberem oportunidades para inovação e desenvolvimento da organização. Além disso, a sensibilidade feminina tende a priorizar o bem-estar e o desenvolvimento de equipe, importante pilar para construção de um ambiente motivador e produtivo.

OBSERVAÇÃO

As mulheres prestam mais atenção aos detalhes do que os homens, e também conseguem prestar mais atenção em várias coisas ao mesmo tempo, devido à capacidade do cérebro feminino, comprovada cientificamente, de fazer mais ligações entre os dois hemisférios cerebrais. Essa especificidade fornece uma visão sistêmica, ou seja, a capacidade de enxergar a companhia de uma maneira integrada, contribuindo para a detecção e resolução de problemas no percusso das operações.

COLABORATIVO

As mulheres têm uma necessidade maior de compartilhar, e isso garante um bom espírito de equipe. As mulheres têm maior propensão a valorizar as qualidades de quem trabalha ao seu lado e tendem a ser menos egoístas. Essas características estimulam o time a se alinhar com o propósito organizacional, a fim de atingir o mesmo objetivo.

 

Mariana Requena