,
Clique e
assine o JP
Televendas: 3428-4190
Classificados: 3428-4140
Comercial: 3428-4150
Redação: 3428-4170
Últimas notícias:
  • Silvio Santos ganha novas biografias
  • Na despedida, festival apresenta filmes vencedores
  • Com atraso, liminar sobre o transporte é cumprida

Erdogan rejeita criticas sobre referendo; protestos ocorrem em Istambul
Agencia Estado
17/04/2017 18h01
  |      
ENVIAR     IMPRIMIR     COMENTE              
 
O presidente da Turquia, Recep Tayyp Erdogan, rejeitou as críticas de observadores internacionais sobre o referendo que ocorreu ontem no país, que expandiu os poderes presidenciais. Ele insistiu que "a eleição foi a mais democrática" já vista em qualquer país do Ocidente. Ao discursar para apoiadores na parte externa de sua residência em Ancara, capital do país, Erdogan disse que a Turquia vai ignorar os resultados dos observatórios internacionais. "Primeiro, se coloquem em seus lugares" Nós não veremos ou escutaremos os relatórios enviesados que vocês prepararam", afirmou. Instituições internacionais afirmaram que os procedimentos usados na votação ficaram aquém do padrão esperado. Resultados não oficiais mostraram uma vitória apertada para Erdogan, que fez campanha pela extensão dos poderes presidenciais. Ao mesmo tempo, centenas de pessoas protestam em dois bairros de Istambul contra a decisão do referendo. Com cartazes de "Não, nós ganhamos" e "Ladrão, assassino Erdogan" diversos manifestantes passam pelos bairros de Besiktas, do lado europeu da cidade e Kadikoy, do lado asiático. Fonte: Associated Press.
 
 
Voltar

Comentários

Nome:
E-mail:
Comentário:
 

  • Seja o primeiro a comentar