,
Clique e
assine o JP
Televendas: 3428-4190
Classificados: 3428-4140
Comercial: 3428-4150
Redação: 3428-4170
Últimas notícias:
  • Todos os presidentes que ganharam filmes no País
  • Retrospectiva de Rodrigo Andrade está entre as dicas de exposições da semana
  • Ocimar Versolato morre aos 56 anos em São Paulo

Tusk, da UE, pede que líder da Catalunha não declare independência
Agencia Estado
10/10/2017 15h04
  |      
ENVIAR     IMPRIMIR     COMENTE              
 
O presidente do Conselho Europeu, Donald Tusk, pediu que o presidente da Catalunha, Carles Puigdemont, não declare a independência da região e que busque o diálogo com o governo central da Espanha. A declaração de Tusk ocorreu poucas horas antes de um esperado pronunciamento de Puigdemont no Parlamento catalão, em que pode declarar a independência. "Eu peço que você respeite, em suas intenções, a ordem constitucional e não anuncie uma decisão que tornaria impossível o diálogo com Madri", disse Tusk, referindo-se diretamente a Puigdemont. Tusk acrescentou que "a diversidade não deve e não precisa levar à consequencias, que, obviamente, são negativas para a Catalunha, Espanha e toda a Europa." Ainda, o presidente do Conselho Europeu pediu ao premiê da Espanha, Mariano Rajoy, que não faça uso da violência contra a Catalunha, como realizado no dia do plebiscito. Fonte: Associated Press.
 
 
Voltar

Comentários

Nome:
E-mail:
Comentário:
 

  • Seja o primeiro a comentar