,
Clique e
assine o JP
Televendas: 3428-4190
Classificados: 3428-4140
Comercial: 3428-4150
Redação: 3428-4170
Últimas notícias:
  • Gretchen aproveita momento em alta e estreia reality show com sua família
  • 'Westworld' abre nova temporada com sangue
  • Com 'Despacito', 16 semanas no topo das paradas dos EUA, Luis Fonsi mudou o jogo

TV estatal da Síria diz que 5 mil soldados foram enviados a Douma, após ataque
Agencia Estado
15/04/2018 11h01
  |      
ENVIAR     IMPRIMIR     COMENTE              
 
Beirute, 15 (AE) - A TV estatal da Síria afirmou que mais 5 mil membros das forças de segurança foram enviados à cidade de Douma, próxima à capital, Damasco. Douma está agora sob controle do governo, uma semana após ocorrer ali um suposto ataque de armas químicas. Douma era o último bastião rebelde entre os subúrbios a leste de Ghouta e foi alvo de uma grande ofensiva do governo de Bashar al-Assad em fevereiro e março. A cidade também foi palco do suposto ataque com gás venenoso em 7 de abril, que motivou o ataque com mísseis de Estados Unidos, Reino Unido e França contra alvos militares sírios, no início do sábado (hora local). O governo sírio e a Rússia negam as alegações de que tenha havido um ataque químico. Uma missão internacional da Organização para a Proibição de Armas Químicas está na Síria e deve visitar Douma. A emissora estatal Al-Ikhbariya TV afirmou que cerca de 5 mil soldados foram enviados a Douma, neste domingo. Jornais sírios, por sua vez, garantiram que o sistema de defesa aérea do país havia derrubado mísseis. O jornal governista Thshrin, por exemplo, afirmou em sua capa: "Nosso heroico Exército derrubou os mísseis da agressão". Já o Pentágono disse que nenhum dos mísseis foi derrubado e que as forças aéreas sírias haviam sido ineficazes. Fonte: Associated Press.
 
 
Voltar

Comentários

Nome:
E-mail:
Comentário:
 

  • Seja o primeiro a comentar