Nhô Quim empata em Taubaté e está eliminado da Copa Paulista

futebol O XV de Piracicaba volta a atuar apenas em 2019, na Série A2 do Paulista. (Foto: Vitor Prates/Líder Esportes)

A temporada 2018 acabou neste sábado (20) para o XV de Piracicaba. Jogando no Estádio Joaquim de Morais Filho, em Taubaté, o Nhô Quim ficou no empate por 1×1 com os donos da casa e disse adeus à Copa Paulista. Jeffinho e André Cunha marcaram os gols do jogo. Com o resultado, o time piracicabano finalizou a segunda fase em terceiro lugar no Grupo 8, com oito pontos. Novorizontino e Taubaté avançaram para as quartas de final.

O Alvinegro iniciou a partida com um desfalque importante na defesa. O zagueiro Doni sofreu uma torção no joelho esquerdo contra o Ituano, na última quarta-feira (17), e viajou com o elenco para Taubaté, mas não reuniu condições de jogo. A dupla de zaga foi formada por Caio Souza e João Victor. Apesar da necessidade da vitória para continuar na Copa Paulista, o XV de Piracicaba levou um susto logo aos 2min. Em cobrança de falta, o meia Jeffinho carimbou a trave do goleiro Leonardo.

O XV de Piracicaba inicia agora o planejamento visando a Série A2 do Campeonato Paulista de 2019

Ao Taubaté, o empate bastava para chegar às quartas de final, mas foi a equipe mandante que tomou a iniciativa e rondou o gol alvinegro na primeira meia hora de bola rolando. Aos 19min, Eduardo tentou surpreender Leonardo com uma bicicleta que saiu com perigo à esquerda. A única jogada aguda do Nhô Quim na etapa inicial aconteceu aos 22min, quando Erik Mendes fez lance individual após passe de Rafael Rosa. O atacante aplicou um chapéu em um defensor, mas pecou na finalização.

A resposta do Burro da Central foi fatal. Aos 26min, Jeffinho dominou a bola pela meia esquerda, girou sobre a marcação do volante Pereira e arrematou para o gol sem qualquer chance de defesa: 1×0. Na última oportunidade antes do intervalo, o próprio Jeffinho quase ampliou. Aos 43min, o camisa 10 do Taubaté aproveitou sobra de bola na entrada da área e chutou com força, mas a finalização desviou em Caio Souza e saiu pela linha de fundo. Eliminado naquele momento, o XV voltou com uma postura diferente na segunda etapa.

OPORTUNIDADES

Em 15 minutos, o Alvinegro criou três boas chances. A primeira surgiu com Erik Mendes, que chegou à linha de fundo e cruzou para Lucas Formiga cabecear para fora. Na sequência, Lucas Formiga exigiu boa defesa do goleiro Rafael Roballo. A ocasião mais clara veio aos 14min: Rafael Roballo espalmou a finalização de Gabriel Tonini e, em seguida, Mario Sergio completou de cabeça para fora. Para aumentar a pressão, Cléber Gaúcho pôs André Cunha no lugar de Gabriel Tonini.

O treinador também trocou Mario Sergio e Erik Mendes por Danilo Melega e Marcelo Fernandes, respectivamente. Aos 42min, André Cunha reascendeu a esperança quinzista ao aproveitar um bate-rebate na pequena área e colocar a bola no fundo da rede: 1×1. O duelo ficou completamente aberto nos minutos finais. Aos 45min, Dill quase recolocou o Burro da Central em vantagem ao acertar a trave. O XV lutou, mas não foi capaz de virar o marcador.

(Líder Esportes)