‘O orçamento passado nos dá vantagem’, afirma Beto Souza

futebol Bruninho estuda proposta da Série A1; clube piracicabano deve emprestar um dos goleiros no primeiro semestre. ( Foto: Divulgação)

Com oito jogadores contratados para a disputa da Série A2 do Campeonato Paulista, em 2019, o XV de Piracicaba segue em busca de reforços para fechar o elenco para a próxima temporada. Em entrevista à Rádio Jovem Pan News, nesta quinta-feira (29), o gestor de futebol do Alvinegro, Beto Souza, falou sobre o processo de contratações no clube. “As contratações têm ficado a cargo da comissão técnica, liderada pelo Tarcísio Pugliese, que é o treinador, pelo Ricardo Moura (diretor de futebol), e por mim, que sou o gestor de futebol. Trocamos ideias e dentro de um consenso, o jogador é contratado”, disse. A estreia do XV na competição será fora de casa, contra a Inter de Limeira, no dia 20 de janeiro. Confira trechos da entrevista:

ORÇAMENTO

“Em relação aos R$ 700 mil, o presidente (Arnaldo Bortoletto) em nenhum momento colocou esses valores para o orçamento de futebol. Eu não sei as despesas totais do clube. Quando falamos de departamento de futebol, as despesas de um clube não se resumem à montagem do time. Acho difícil, no interior, um time de futebol que dispute a Série A1, chegar nesse valor de folha. Na Série A2, não vejo nenhum time chegar nem próximo disso. O orçamento que me foi passado é bom e não vamos perder em termos de investimento para nenhum time da Série A2, talvez para o Água Santa, que faz loucuras, e o Nacional, que tem um investidor muito forte por trás”.

CONTRATOS

“Temos uma vantagem muito grande pelo orçamento que me foi passado. Poderemos trazer jogadores com contratos mais longos. Em outra oportunidade, não conseguiríamos contratar o Ronaldo (centroavante), pois só jogava Série A1 e Brasileiro, mas devido ao projeto, com contrato de um ano, estabilidade, está vindo com um salário maior. Antes, não tínhamos essa condição e, agora, passa a ser uma vantagem contra as demais equipes, que farão contratos mais curtos. O orçamento do futebol é muito longe dos R$ 700 mil, mas é de igual para igual com as outras equipes”.

RENOVAÇÕES

“Em relação a valores, está praticamente acertado com os empresários do Lucas Formiga e não acredito que será problema. É só ajustar, colocar no papel e assinar o contrato. O Cassio Gabriel é um jogador que nos interessa e estamos conversando com os empresários dele, mas, pela sua qualidade, tem propostas de um time da Série B do Brasileiro e, segundo seu empresário, de uma equipe da Série A. O que nos foi passado é que, se optar por disputar a Série A2 do Paulista, a prioridade será do XV”.

GOLEIROS

“Não há a necessidade de ficarmos com quatro goleiros desse nível (Fábio, Leonardo, Luiz Fernando e Mateus Pasinato) e um deles deverá ser emprestado. O empresário do Mateus nos ligou e está vendo algumas situações para ele. Não podíamos ficar esperando uma definição, para só depois ir procurar outro goleiro, pois seria mais difícil de encontrar. Já começamos atrasados, correndo contra o tempo, com outros times da Série A2 praticamente montados. Não podemos perder mais tempo”.

BRUNINHO

“Ele fez um excelente Brasileiro da Série B, mesmo com o time (Sampaio Corrêa-MA) sendo rebaixado, além de ter sido campeão da Copa do Nordeste. Ele se destacou e algumas equipes da Série A1 do Paulista têm nos procurado atrás dele. Ele retornou de empréstimo e a primeira coisa que fez foi conversar comigo e com o Ricardo Moura. Nós colocamos para ele que nesse momento precisamos dele no XV. Quando foi possível ajuda-lo, nós ajudamos. Não adianta também ele ir para um time de Série A1 e brigar para não cair, não pode fazer uma escolha errada. Nosso trabalho está sendo feito para subir e será mais vantajoso para ele. Estamos conversando para que ele se reapresente na semana que vem”.

REFORÇOS

“Temos 26 inscrições, estamos buscando mais atletas e vamos deixar uma ou duas vagas em aberto, para fazer contratações pontuais, pois é difícil acertar 100%. Ainda precisamos de lateral-direito, lateral-esquerdo, meias, que não é fácil achar, mais um atacante de lado e um de área, mais zagueiros, ou seja, pelo menos mais uns sete jogadores. O atacante Agnaldo e o lateral-esquerdo Rubens Carvalho, que preenchem os requisitos do regulamento do Campeonato Paulista, para atletas formados nas categorias de base, serão inscritos em uma lista B, que possui vagas ilimitadas”.

( Líder Esportes)