Operação Ano Novo registra 12 acidentes

A passagem de ano nas rodovias da região de Piracicaba foi mais tranquila e registrou queda de 25% no número de acidentes em comparação ao mesmo período do ano passado. Segundo levantamento divulgado pela Polícia Militar Rodoviária do Estado de São Paulo, foram 12 acidentes no período 2017/2018 ante 16 acidentes no período 2016/2017. Deste total, no Réveillon deste ano foram oito acidentes sem e quatro com vítimas; no ano passado, foram dez sem e seis com vítimas.
 
Para a 1º tenente Larissa Fernanda Marcucci Sanches, da 2ª Cia de Piracicaba, a principal causa dos acidentes nas estradas é a imprudência dos motoristas que, nestas épocas de Natal e Ano Novo, participam de mais festas, ingerem bebidas alcoólicas e caem na estrada. “No Natal tivemos uma morte de motociclista que estava dirigindo embriagado e entrou na contramão da via SP-127 e acabou se chocando com outro veículo, ou seja, imprudência que acabou levando o motorista a óbito”, disse.
 
Conforme balanço da PM Rodoviária, a partir das ocorrências de 29 de dezembro e 1º de janeiro, o número de acidentes caiu de nove para cinco na comparação entre os anos de 2016 e 2017, com apenas uma morte, uma vítima grave e 3 leves. “O número de condutores embriagados ainda é preocupante, por isso intensificamos cada vez mais as Blitze do teste do bafômetro e os casos positivos para embriagues foram preocupantes”, lembrou a tenente Larissa.
 
Segundo a oficial da PM, o número de testes de etilômetro dobraram de 44 para 88, não houve flagrante de alcoolemia, porém, as infrações por dirigir embriagado subiram de quatro para cinco casos este ano. “As ações de fiscalização foram intensificadas neste sentido, conseguimos reduzir diversos índices de acidentes, o que é muito bom”, declarou.
 
Apesar de intensificar as ações ao longo do Natal e Ano Novo, as chuvas prejudicaram o trabalho da polícia rodoviária. “Isso pode ser visto nas multas aplicadas. Ano passado fiscalizamos 506 veículos e este ano foram apenas 207. Não tivemos recolhimento de veículos este ano e, em 2016, foram dez. O número de documentos recolhidos também caiu de 62 para 23. O resultado disso é redução do número total de autos de infração, saindo de 499 em 2016 para 264 em 2017”, completou.
 
Ela acredita que os dados são preocupantes. “A redução se deve ao aumento na fiscalização. Os indicadores mostram redução dos acidentes na SP-304, rodovia Geraldo de Barros, que liga Piracicaba a São Pedro e Águas de São Pedro, por causa das obras de duplicação da pista. Este tipo de investimento do Estado colabora com as ações preventivas da polícia rodoviária.”