Oscar 2019 premiará os melhores filmes do ano

Roma é o quinto longa da história que concorre a melhor filme e melhor filme estrangeiro (Foto: Divulgação) Roma é o quinto longa da história que concorre a melhor filme e melhor filme estrangeiro (Foto: Divulgação)

Amanhã (24), às 22h (horário de Brasília), tem início a cerimônia do Oscar 2019. Na disputa pela desejada estatueta dourada de Melhor Filme, estão algumas das produções mais aclamadas de 2018.

A Favorita

Ambas já detentoras de Óscares de Melhor Atriz, Emma Stone e Rachel Weisz lutam pela preferência da Rainha Ana, na Inglaterra do século 18. Um dos líderes da disputa, o filme ainda conquistou indicações para os prêmios de Melhor Atriz, Melhor Atriz Coadjuvante, Melhor Diretor, Melhor Roteiro Original, Melhor Fotografia, Melhor Figurino, Melhor Montagem e Melhor Direção de Arte. É, com certeza, uma produção para ficar de olho e digna de aposta!

Bohemian Rhapsody

A cinebiografia de Freddie Mercury emociona e mostra como os integrantes do Queen tentam lidar com o sucesso e os excessos do líder da banda.

Green Book: O Guia

Com um senso de humor mordaz e que faz o telespectador se sentir desconfortável, o longa retrata a turnê de um pianista negro e seu motorista, que viajam em uma turnê pelo sul dos Estados Unidos em plena segregação racial dos anos 60.

Infiltrado na Klan

A produção narra a história real de um policial negro que, nos anos 70, comanda uma infiltração na organização racista e supremacista Ku Klux Klan.

Nasce uma Estrela

Estreia de Lady Gaga nas telonas, o longa narra a paixão entre um músico famoso, em decadência pelo vício em álcool, e uma aspirante à cantora, que não acredita em seu potencial.

Pantera Negra

Com fortes críticas ao racismo, o filme do herói de Wakanda precisa defender sua terra e seu povo de um vilão que tenta roubar sua tecnologia avançada, advinda de um composto conhecida como vibranium.

Vice

Vice acompanha a história do vice-presidente de George W. Bush, Dick Cheney, considerado o mais poderoso vice dos Estados Unidos.

Roma

Na Cidade do México, em 1970, uma mulher que trabalha como babá e empregada controla a rotina de sua família, que é abalada durante um ano por acontecimentos inesperados. A protagonista é interpretada por Yalitza Aparicio, estreante nas telonas e que já conseguiu indicação para o prêmio de Melhor Atriz.

A exibição no Brasil é feita pela Rede Globo e também pela TNT. Para quem prefere assistir pela internet, a “The Academy”, organizadora do e vento, disponibiliza em seu site (www.oscars.org ).

Mariana Requena