Padrasto acusado de estuprar enteada é preso pela Polícia Civil

De acordo com a polícia, o crime teria ocorrido em 2015, as a vítima só denunciou o seu padrasto em 2019. (Foto: Divulgação)

A Polícia Civil de Capivari prendeu ontem (4) um homem acusado de estuprar a enteada de nove anos, no bairro Moretto. Ele foi preso em sua residência, após o cumprimento de um mandado de prisão temporária.

De acordo com a polícia, o crime teria ocorrido em 2015, as a vítima só denunciou o seu padrasto em 2019. A mãe da criança esteve na delegacia para registrar o boletim de ocorrência sobre a suspeita de estupro.

A apuração passou a ser acompanhada pelas investigadoras da DDM (Delegacia de Defesa da Mulher da cidade. De acordo com a delegada de Maria Luísa Dalla Bernardina Rigolin foi confirmada violência sexual, após exame pericial e entrevista com a psicóloga da unidade policial. A delegada pediu na Justiça o pedido de prisão temporária do agressor; posteriormente, os policiais civis da DDM com o apoio da delegacia da cidade estiveram na casa do suspeito, onde foi localizado.

Após prestar depoimento, o acusado foi encaminhado para uma cela anexa à UPJ (Unidade de Polícia Judiciária), onde permanecerá à disposição da Polícia Civil para eventuais esclarecimentos apurados durante o inquérito policial.

DENÚNCIAS

A Polícia Civil de Capivari enfatizou que o telefone para denúncias é o (19) 3491-4181, da DDM, ou ainda o disque denúncia por meio do telefone 100. Não é necessário fazer a identificação pessoal.

Cristiani Azanha
[email protected]