Pela primeira vez, eleitores vão votar para presidente na Geórgia

Pela primeira vez, eleitores vão votar para presidente na Geórgia
Fonte: Agência Brasil

Pela primeira vez na história recente da Geórgia – que se tornou independente da União das Repúblicas Soviéticas em 1991 –, os eleitores vão escolher de forma direta o presidente da República. Antes, eram os parlamentares, no Legislativo, que votavam. Os colégios eleitorais abriram hoje (28) cedo para as eleições.

As urnas abriram às 8h (horário local, 1h em Brasília) para a votação, programada para durar 12 horas.  Estão aptos para participar mais de 3,5 milhões de eleitores.

Os candidatos que aparecem como favoritos, segundo a imprensa local, são o governista Salomé Zurabishvili e o opositor Grigol Vashadze.

Resultado

Os primeiros resultados oficiais começarão a ser conhecidos de hoje para amanhã (29). Se nenhum dos 25 candidatos obtiver 50% mais um voto, os georgianos voltarão às urnas em novembro para escolher o vencedor em um segundo turno.

Com estas eleições, está concluída a conversão da Geórgia de república presidencialista em parlamentar, processo que começou em 2011.

País

Com quase 4 milhões de habitantes, a Geórgia é um país na Europa Oriental cercada pela Rússia, Turquia e Armênia. A língua oficial é o georgiano, mas há também outros idiomas falados no país por grupos isolados e comunidades.

A base da economia é o comércio, sustentado em produtos derivados da agricultura e energia.

*Com informações da Agência EFE

Pela primeira vez, eleitores vão votar para presidente na Geórgia