Piracicaba emplacou 26 carros por dia em agosto

Número registrado é 22% maior que no mesmo período do ano passado (foto: Amanda Vieira/JP)

No mês de agosto Piracicaba registrou 26 emplacamentos de carros novos por dia. De acordo com os números da Fenabrave (Federação Nacional de Distribuição de Veículos Automotores), na cidade no último mês foram emplacados 1121 veículos, sendo a maioria (800) automóveis.

O número inclui ainda 208 motocicletas e o restante representa os utilitários, caminhões e ônibus. O total de emplacamentos registrado em agosto na cidade está 22% acima do verificado pela federação no mesmo período do ano passado.

O presidente da AutoHonda (Associação Brasileira de Revendedores de Automóveis Honda), Jorge Aversa Júnior, afirmou que Piracicaba está acima da média nacional, que registrou crescimento de 10%.

Ele destacou que fatores como a queda dos juros, aumento das promoções e estoque nas montadoras contribuem para aquecimento das vendas do setor. Segundo Aversa a expectativa para os próximos meses é de crescimento de até 15% devido à velocidade nas vendas. A queda nas exportações para a Argentina vai permitir que o Mercado interno ofereça mais produtos e as revendas possam realizar promoções.

Mais mercado, mais promoção resulta em mais vendas”, avaliou. Para Aversa, o mercado interno tem condições de absorver a demanda que deixa de ser exportada para a Argentina. “Isso tudo vai depender da economia, passou a Reforma da Previdência e agora tem a tributária.

PRODUÇÃO

Além de ser um mercado consumidor, Piracicaba também contribui com a produção de veículos no país. O SUV Creta fabricado pela planta da Hyundai em Piracicaba, somou em agosto 6.643 unidades vendidas, segundo dados preliminares da Anfavea – Associação Nacional dos Fabricantes de Veículos Automotores.

O volume garantiu a liderança entre todos os SUVs e a nona posição na lista geral dos dez carros mais vendidos. Esta é a primeira vez que o modelo supera seis mil emplacamentos em um único mês. “Agosto foi o melhor mês em vendas para o Creta desde seu lançamento, em janeiro de 2017. Isto ocorre logo após sua primeira renovação e a firma como um dos SUVs mais atrativos e competitivos do mercado nacional.

Também é importante destacar que todas as unidades foram comercializadas por nossa rede de concessionárias para clientes finais, sem vendas para locadoras, taxistas ou frotistas”, afirma Angel Martinez, vice-presidente comercial da Hyundai Motor Brasil.

No acumulado do ano, de janeiro a agosto, o Creta figura na segunda posição do ranking de SUVs compactos, com 36.197 unidades comercializadas. Em 2018, o utilitário compacto da Hyundai fechou o ano na liderança do segmento, com 48.982 veículos registrados e participação de mercado da ordem de 14,4%.

Beto Silva
[email protected]