Piracicaba emplacou 41 novos veículos por dia no mês de abril

No Brasil, federação aponta que vendas de veículos leves tiveram aumento de 8,7% (Foto: Claudinho Coradini/JP) No Brasil, federação aponta que vendas de veículos leves tiveram aumento de 8,7% (Foto: Claudinho Coradini/JP)

Piracicaba teve 41 carros novos emplacados por dia durante abril. Os dados são da Fenabrave (Federação Nacional de Distribuição de Veículos Automotores). Segundo a entidade, no último mês foram emplacados 871 veículos na cidade. Neste número estão inclusos automóveis (560), motos (237), comerciais leves (68) e caminhões (6).

No acumulado do ano, Piracicaba registra até o momento o emplacamento de 3.532 veículos, incluindo as categorias acima mais ônibus. No Brasil, a Fenabrave aponta que as vendas de veículos leves cresceram 8,7% no acumulado de janeiro até abril ao superar as 801 mil unidades emplacadas, considerando automóveis e comerciais leves. Os números referentes até abril foram divulgados na quinta-feira (2) pela Fenabrave, entidade que representa o setor de distribuição e concessionárias.

Ambos os segmentos – automóveis e comerciais leves – encerraram o quadrimestre com volumes maiores na comparação anual, com índices de crescimento semelhantes. No caso de automóveis, as vendas atingiram as 685,8 mil unidades licenciadas, 8,7% acima do registrado em igual acumulado de 2018, quando o mercado emplacou 630,4 mil.

Nos comerciais leves, os emplacamentos somaram 115,4 mil unidades de janeiro a abril, alta de 8,2% sobre as 106,6 mil de um ano antes.

Considerando apenas a venda mensal, abril é o melhor mês do ano até agora: foram emplacados 221,3 mil veículos leves no mês, quase 11% a mais do que em março, que teve 199,5 mil automóveis e comerciais leves licenciados. Sobre abril de 2018, houve avanço de 5,4%. Pela primeira vez em 2019 o mercado ultrapassou 200 mil unidades mensais e 10 mil diárias.

Vale lembrar que abril teve dois dias úteis a mais do que março – 21 contra 19. Na média diária de vendas, houve leve aumento de 0,3% do volume, o que significa que foram vendidos pouco mais de 10,5 mil veículos por dia útil do mês.

Em comunicado, o presidente da Fenabrave, Alarico Assumpção Júnior, reforça a manutenção das projeções da entidade para 2019, que projeta vendas 11% maiores do que o ano passado, para 2,74 milhões de automóveis e comerciais leves.

Beto Silva