Piracicaba teve 3.936 contratações de emprego em janeiro

Piracicaba apresentou saldo positivo em 431 empregos com carteira assinada em janeiro (Foto: Agência Brasil)

No primeiro mês do ano de 2019, as contratações de emprego superaram os desligamentos em Piracicaba, impulsionadas pelos setores da indústria e de serviços. A cidade apresentou saldo positivo em 431 empregos com carteira assinada em janeiro – o resultado é a diferença entre 3.936 admissões e 3.505 demissões. Os dados são do Caged (Cadastro Geral de Empregados e Desempregados), do Ministério da Economia.

O cenário aponta uma economia piracicabana melhor quando comparado ao mesmo período de 2018 – na ocasião, o saldo positivo foi de 219 empregos. Em 2017, o índice foi pior e ficou negativo em 75 empregos.

JANEIRO

Em janeiro deste ano, a área de serviços e administração pública foi a que mais contratou entre os dias 1 e 31. Foram 321 postos de trabalho com carteira assinada. A indústria teve o segundo melhor desempenho, com 306 contratações.
A construção civil e a agropecuária também contrataram mais do que demitiram no período e apresentaram saldo positivo de 80 e 28 vagas, respectivamente.

“A economia está retomando lentamente. Acredito em um período à frente de criação de postos de trabalho consistente, especialmente a partir do segundo trimestre do ano”, afirma o secretário municipal do Trabalho e Renda, Evandro Evangelista.

O Comércio foi o único setor que terminou o primeiro mês do ano no vermelho. Foram menos 304 trabalhadores formais no município. “O número é referente ao fim da prestação de serviço dos trabalhadores temporários, contratados para atuar nas festas de fim de ano. Este índice é esperado e o cenário se repete anualmente. Não é preocupante”, finaliza Evangelista.