Prefeitura iniciou segunda fase da derrubada de muros no Santa Rita

Em setembro, o juiz determinou a derrubada e a prefeitura cumpriu parcialmente a decisão. ( Foto: Amanda Vieira /JP)

A Prefeitura de Piracicaba iniciou anteontem a segunda fase da derrubada dos muros do bairro Santa Rita. De acordo com informações da assessoria de imprensa da administração municipal, a retirada das barreiras teve início na segunda-feira e começou pelo muro existente em frente ao Hospital Regional. Ontem, as equipes trabalharam na demolição do muro localizado na avenida dos Concepcionistas, o local mais polêmico, pois impedia a passagem de pedestres para o outro lado do bairro. A prefeitura informou que vai demolir os muros dentro do prazo estipulado pela Justiça, e acrescentou que o trabalho depende de fatores como clima e estrutura de algumas construções.

Há sete dias, o juiz da 1ª Vara da Fazenda Pública de Piracicaba, Felippe Rosa Pereira, determinou prazo de 15 dias para derrubada integral dos muros que ainda separavam o bairro e estipulou multa diária de R$ 1 mil caso a decisão não fosse acatada.

Em setembro, o juiz já havia determinado a derrubada dos muros e a prefeitura cumpriu a decisão de forma parcial. Na época, a administração informou à Justiça a abertura de algumas ruas, alegando que tal ação restabelecia o acesso integral de pessoas e veículos ao loteamento. “O título executivo transitado em julgado não identifica este ou aquele muro a ser demolido e tampouco condiciona a derrubada destes ao mínimo necessário para promover o restabelecimento do direito de ir e vir de terceiros”, destacou o juiz em sua sentença. Quanto a avenida dos Concepcionistas, a administração a prefeitura argumentou que seria construído um Jardim Botânico no local, por isso a necessidade da barreira, argumento que foi desqualificado pelo juiz.

(Beto Silva)