Prefeitura pavimenta cinco ruas do Bairro Verde

rua (Foto: Justino Lucente)

Nesta semana, a Prefeitura de Piracicaba anunciou duas obras. Uma delas é a execução da pavimentação das ruas do Bairro Verde. Além disso, concluiu a remodelação de trecho da avenida Cristóvão Colombo.

A administração executou os serviços de pavimentação nas ruas Osório Duque Estrada, Vicente Celestino, São Judas Tadeu e Carmem Miranda, no Bairro Verde.

Os trabalhos incluem 4.167 metros quadrados de pavimento, 1.940 metros quadrados de recapeamento asfáltico, 2.087,50 metros quadrados de calçada, 472 metros de redes de drenagem de águas pluviais (concluído), além de 835 metros de meio-fio (guia+sarjeta) já executados.

As obras beneficiam 398 metros da rua Osório Duque Estrada, que também receberá trechos de recapeamento, 40 metros da rua Carmem Miranda, 102 metros da rua Vicente Celestino e 40 metros da rua São Judas Tadeu.

O investimento total é de R$ 600 mil. Parte da obra tem valores repassados pelo Ministério das Cidades, via Caixa Econômica Federal, por meio de emenda parlamentar do então deputado federal e hoje secretário de Desenvolvimento Social do Estado de São Paulo, Floriano Pesaro (PSDB), e o valor restante é contrapartida do município. A empresa responsável pela execução dos serviços é a Projecon Projetos e Construção Civil.

PAVIMENTAÇÃO—A remodelação na avenida Cristóvão Colombo, trecho sob o viaduto da SP 304 Rodovia Geraldo de Barros (próximo à Klabin) também foi concluída pela prefeitura. Os serviços finais de plantio de grama, calçadas, pintura da mureta, gradil e limpeza já foram executados. O trânsito está liberado no local desde o mês passado.

As obras consistiram na remodelação viária da avenida, que ganhou mais uma faixa de rolamento, para maior acomodação dos veículos que seguem em direção ao bairro Santa Teresinha e proximidades. Também foi realizada nova sinalização, serviços de drenagem, melhoria no asfalto e ajustes na rotatória existente.

Os trabalhos foram iniciados no dia 7 de julho, quando o trecho ficou totalmente interditado até o dia 9. A medida permitiu agilizar a execução dos trabalhos para causar o mínimo de transtorno aos motoristas e moradores da região. O projeto foi realizado pela Semuttran (Secretaria Municipal de Trânsito e Transportes) e Semob (Secretaria Municipal de Obras), que apontam fluxo de veículos nessa região de 3.000 ao dia.

O local recebeu 2.300m2 de pavimento asfáltico, que compreende 66 metros de extensão, seis metros de drenagem de galerias pluviais, duas bocas-de-lobo e dois poços de visita, 170 metros de meio-fio (guia+sarjeta), 160 m2 de calçada e 440 m2 de paisagismo. O investimento municipal é de R$ 263 mil e a empresa responsável pela obra é a Pontuali Construtora e Engenharia Eireli.
“Esta pequena adequação viária proporcionou uma grande melhoria na fluidez e segurança no trânsito, pois este trecho do corredor norte-sul tornou-se uma grande alternativa de ligação da região de Santa Teresinha para o cento da cidade”, afirmou o secretário de Trânsito e Transportes, Jorge Akira.

DADOS TÉCNICOS

Área de pavimento asfáltico = 2.300 m2

Drenagem de águas pluviais = 6 metros + 2 bocas-de-lobo + 2 poços de visita

Meio-fio (Guia+sarjeta) = 170 metros

Calçada = 160 m¦

Extensão da rua beneficiada = 66 metros

Paisagismo (grama) = 440 m2

(Da Redação)