Primavera e suas cores

A estação mais florida do ano traz suas influências ao mundo da beleza; Conheça as tendências. (foto: Divulgação)

Os ipês estão floridos pelas ruas e as temperaturas já alcançam facilmente os 30ºC, em um típico clima da primavera brasileira. A estação das flores traz consigo influências para o mundo da beleza, seja nas cores, texturas ou aplicações. A Avon indica as principais tendências para você apostar sem erros nesta estação.

UNHAS

As unhas ganham destaque na primavera com cores vibrantes. As flores são inspirações para as colorações, nas quais os tons rosados e avermelhados são os carros chefes. O acabamento com muito brilho é a escolha certeira.

PELE

Na pele, a dica é deixar para trás a palidez do inverno. Use bronzers para contornar o rosto e trazer um leve bronzeado à pele. O resultado deve ser suave e com aparência natural.

Além da cor, manter a pele hidratada é fundamental. Invista em uma rotina de cuidados com a pele, incluindo hidratantes com aromas florais, que combinam com a primavera.

LÁBIOS

Assim como no caso dos esmaltes, os batons também chegam em cores marcantes. Os tons variam desde os alaranjados, que despertam o calor da estação, até cores mais impactantes, como os vermelhos e fúcsias.

O acabamento, apesar de sem brilho, fica por conta dos batons hidratantes e com longa duração, para aguentar o calor o dia todo.

Também existe espaço para quem gosta de brilho nos lábios. Invista em brilhos labiais com efeito vinil, que atraem os olhares.

PERFUMES

É claro que as flores, a ‘cara’ da primavera, não ficam de fora dos aromas nas colônias e perfumes. O cheiros para essa estação são frescos, românticos e frutados.

AS FRAGRÂNCIAS

Na escolha dos perfumes, é O Boticário quem dá a dica. Você já reparou em algumas siglas que sempre aparecem no mundo da perfumaria: EDC, EDT e EDP? Apesar de parecerem sem importância, essas siglas são classificações relevantes que podem definir a escolha de um perfume.

“A forma mais conhecida de diferenciarmos os perfumes é através das suas diferentes concentrações de essência. A quantidade de fragrância, no entanto, não significa menor qualidade”, explica a assessoria da marca. “Não devemos esquecer que a raridade dos seus ingredientes também fazem diferença, além dos processos exclusivos que são utilizados na sua formulação, bem como suas embalagens mais elaboradas, com processos complexos e com uma entrega visual diferenciada”.

O EDC, ou Eau de Cologne, recebem uma concentração de 7% de essência, sendo indicado para o uso abundante e reaplicação durante o dia.

Já o EDT significa Eau de Toilette. Nesta classificação a dosagem máxima é de 15%, portanto sua durabilidade é maior, sendo esta de 6 a 8 horas.

Por último, com a maior concentração, o EDP – Eau de Parfum – tem de 15% a 20% de essência, e pode ser utilizado em menor quantidade.

 

Mariana Requena
[email protected]