Primeiro-ministro do Iraque vai liderar coalizão nas eleições de maio

O primeiro-ministro do Iraque declarou que vai liderar uma coalização sectária nas eleições nacionais propostas para maio, na esperança de dar continuidade à vitória contra o grupo extremista Estado Islâmico, obtida no ano passado.

Em um comunicado emitido no final deste sábado, Haider al-Abadi afirmou que a Aliança da Vitória vai “aumentar a integridade do país e a soberania nacional, corrigir erros e alcançar a justiça e a igualdade para todos os iraquianos”. Ele disse que o “milagre da vitória e da unidade deve levar a uma nova e mais brilhante era”.

Al-Abadi, ligado à maioria xiita do Iraque, assumiu o cargo em 2014, semanas
depois de o Estado Islâmico atacar o norte e centro do Iraque. Desde então, forças iraquianas apoiadas pela coalizão liderada pelos Estados Unidos, gradualmente retomaram todo o território antes tomado por extremistas sunitas.

O Gabinete do Iraque propôs eleições para 12 de maio, mas a data ainda aguarda aprovação parlamentar. Fonte: Associated Press