Profissionais de imprensa estão na Esplanada para posse de Bolsonaro

Profissionais de imprensa estão na Esplanada para posse de Bolsonaro
Fonte: Agência Brasil

Cerca de 1,1 mil profissionais de imprensa credenciados para cobrir a posse do presidente eleito Jair Bolsonaro já estão distribuídos nos locais onde as cerimônias vão ocorrer – Congresso, Palácio do Planalto e Itamaraty. Também haverá jornalistas, com credencial específica, na Praça dos Três Poderes. Desse total quase 200 são estrangeiros, segundo assessores do Palácio do Planalto.

Com o trânsito na Esplanada dos Ministérios fechado desde a madrugada de sábado (29), em um esquema de segurança nunca visto em posses presidenciais, todos tiveram que chegar ao Centro Cultural Banco do Brasil, sede da transição do governo, às 7 da manhã. Antes de embracar em ônibus específicos para os locais houve revista em detectores de metais. Na chegada, mais uma vez, os profissionais foram revistados. Apesar da exceção aberta à imprensa para uso de mochila com equipamentos de trabalho como notebooks, gravadores e microfones, as mesmas restrições feitas ao público em geral tiveram que ser seguidas. Garrafas de água mineral, por exemplo, não foram recolhidas.

Uma outra regra estabelecida é a de que profissionais de imprensa não podem circular por corredores e locais onde estarão as autoridades e onde os eventos ocorrerão durante o dia. Cada credencial tem um setor específico. A saída também será em horários pré-estabelecidos, nos mesmos ônibus, de acordo com o local de cobertura.

A expectativa é de que Bolsonaro deixe a Residência Oficial da Granja do Torto, onde passou a virada do ano com familiares às 14h06 . Ele deve chegar à Catedral, onde começará o desfile pela Esplanada, às 14h30. Pelo roteiro às 15h ele estará no Congresso Nacional de onde sairá, cerca de uma hora depois, para o Palácio do Planalto já como presidente do Brasil.

Profissionais de imprensa estão na Esplanada para posse de Bolsonaro