Projeto Guri abre temporada de matrículas para 2020

No polo Piracicaba a inscrição será dia 25 de novembro; são mais de 30 cursos gratuitos de música. (Foto: Amanda Vieira/JP)

As inscrições para novos alunos e alunas do Projeto Guri serão realizadas de 25 de novembro a 6 de dezembro nos polos de ensino do interior e litoral de São Paulo. Em Piracicaba, as inscrições serão apenas no dia 25 de novembro, com entrega de senhas às 7h e às 13h. A notícia chega como ‘alívio’ após polêmica em março deste ano, quando governo do Estado havia anunciado publicamente que fecharia as unidades do projeto devido à falta de verba. Diante da notícia, alunos do interior se mobilizaram nas redes sociais e dias depois, o governo voltou atrás e afirmou que manteria o Projeto Guri e que não haveria demissões.

Em todo o estado, o Projeto Guri tem 400 polos que oferecem aulas de música, canto e outras atividades para 50 mil crianças e adolescentes.

De acordo com representantes da iniciativa são mais de 30 cursos gratuitos de música para crianças, adolescentes e jovens de 6 a 18 anos incompletos.

Para se matricular, os interessados devem comparecer ao polo que desejam estudar, acompanhados pelos responsáveis, portando RG ou certidão de nascimento; comprovante de matrícula escolar e/ou declaração de frequência escolar; e comprovante de endereço para consulta.

Não é preciso ter conhecimento prévio de música, nem possuir instrumentos ou realizar testes seletivos. Em Piracicaba o polo do Projeto Guri fica na avenida dr. Paulo de Moraes, 1682. Mais informações pelo projetoguri.org.br.

PROJETO GURI

Mantido pela Secretaria de Cultura e Economia Criativa do Estado, o Guri é o maior programa sociocultural brasileiro e oferece, nos períodos de contraturno escolar, cursos de iniciação musical, luteria, canto coral, tecnologia em música, instrumentos de cordas dedilhadas, cordas friccionadas, sopros, teclados e percussão, para crianças e adolescentes entre 6 e 18 anos (até 21 anos nos Grupos de Referência e na Fundação Casa).

SUSTENIDOS

Eleita a Melhor ONG de Cultura de 2018, a Sustenidos administra o Projeto Guri. Desde 2004, é responsável pela gestão do programa no litoral e no interior do Estado, incluindo os polos da Fundação Casa. Instituições interessadas em investir na Sustenidos, contribuindo para o desenvolvimento integral de crianças e adolescentes, têm incentivo fiscal da Lei Rouanet e do Fundo Municipal da Criança e do Adolescente. Pessoas físicas também podem ajudar. Saiba como contribuir: http://www.sustenidos.org.br/pessoa-fisica/

Da Redação