Projeto Guri promove encontro entre o Grupo de Referência de Piracicaba e “As Piracicabanas”

Orquestra de Viola Caipira As Piracicabanas. Foto: Divulgação

O Projeto Guri, maior programa sociocultural brasileiro, mantido pela Secretaria da Cultura do Estado de São Paulo, promove hoje, às 19h30, no Teatro do Engenho, um encontro entre a Orquestra de Viola Caipira “As Piracicabanas” e o Grupo de Referência de Piracicaba – Coro. A apresentação faz parte do Guri Convida, série de concertos que proporciona a convivência entre músicos consagrados e jovens aprendizes. O evento é gratuito e aberto ao público.

O Guri Convida mantém a essência de cada Grupo de Referência. Há um repertório escolhido especialmente para o encontro, estruturado de acordo com as peculiaridades dos jovens, com o objetivo de ampliar e aprofundar os conhecimentos e experiências musicais de todos.

O programa da Orquestra reúne músicas como “Disparada”, “Triste Berrante”, “Chora Viola”, “Mercedita” e “Cuitelinho”. Enquanto o Grupo de Referência de Piracicaba prepara um medley, arranjado pela educadora Vanessa Zambão e pelo pianista Vinícius Leite, com as peças “Madrugada Piracicabana”, “Festa do Divino”, “Moreninha Meu Amor”, “Hino Popular do XV”, “Samba Lenço”, “Samba de Umbigada”, “Hino de Piracicaba” e “Rio de Lágrimas”.

Juntas, as duas orquestras tocarão “Fantasia Sertaneja” (de Tasso Bangel). A missão de harmonizar os dois grupos ficará por conta da educadora e regente Marcela Costa. “A apresentação destaca a cultura e nossa genuína música caipira. Da moda de viola ao sertanejo, mostraremos a evolução ao longo do tempo, evidenciando a cidade de Piracicaba nesse cenário”, pontua a violeira.

Os Grupos de Referência são compostos por orquestras, cameratas e bandas espalhados por diversas cidades do Estado de São Paulo, com jovens de 12 a 21 anos em estágio avançado de aprendizagem. Todos os 13 Grupos serão contemplados com convidados especiais.

Serviço: Guri Convida com Orquestra de Viola Caipira “As Piracicabanas”. Hoje, às 19h30 no Teatro do Engenho (Av. Maurice Allain, 454, Parque do Engenho Central). Entrada Gratuita.