Região de Piracicaba registra em fevereiro 200 novos postos industriais de trabalho

Homero Scarso, gerente regional do Ciesp Piracicaba: ” Esse é o melhor fevereiro, desde 2014″ (Crédito: Claudinho Coradini/JP)

O saldo de emprego na indústria paulista ficou positivo em fevereiro, com 2,5 mil novas vagas (0,11%) na comparação com janeiro, sem ajuste sazonal. Na diretoria regional do Ciesp (Centro das Indústrias do Estado de São Paulo) em Piracicaba, composta por oito cidades, a variação do nível de emprego ficou em 0,38%, o que equivale a cerca de 200 postos de trabalho. No acumulado – janeiro e fevereiro – o Ciesp Piracicaba apresenta 0,60% de variação, com aproximadamente 300 postos de trabalho. “A variação de fevereiro de 2017 foi de 0,07%. Esse é o melhor fevereiro, desde 2014, que teve variação de -2,13”, avalia Homero Scarso, gerente regional do Ciesp Piracicaba.

De acordo com Scarso, nos últimos 12 meses o acumulado é de -1,13, o que representa uma queda de 550 postos de trabalho na região. Entre os setores que fizeram fevereiro de 2019 ser positivo, Scarso, cita produtos alimentícios (1,63%), máquinas e equipamentos (0,50%) e produtos de minerais não metálicos (0,76%). “O saldo negativo dos últimos 12 meses é por conta do fim da safra canavieira. No final de março, início de abril, começa a safra 2019, quando a tendência é de saldo positivo”, explica.

No ranking de participação da regional na indústria paulista, o Ciesp Piracicaba está em 16ª posição em 10º lugar pelo saldo de vagas (200) no mês. Em relação ao saldo de vagas em 37 regionais, as três primeiras colocadas são: França (1.250), São José do Rio Preto (1.200) e Indaiatuba (800). Já as três últimas colocadas são: Limeira (-1.150), Araçatuba (-800) e Rio Claro (-450)

ESTADO

Com o ajuste sazonal, o Estado de São Paulo apresentou queda de 0,08% no nível de emprego. Na comparação entre fevereiro deste ano com o mesmo mês de 2018 há uma queda de 1,85%, com o fechamento de 40 mil postos de trabalho. No acumulado do ano, o saldo está positivo em 11 mil vagas. Os dados foram divulgados ontem (19) pela (Fiesp) Federação das Indústrias do Estado de São Paulo e pelo Ciesp. “O nível de emprego da indústria paulista está estável e o resultado do mês veio dentro de nossas projeções”, avalia José Ricardo Roriz Coelho, 2º vice-presidente da Fiesp.

(Eliana Teixeira)