Repasse com o pagamento do IPVA cresce 6,25% em janeiro

No mês de janeiro, Piracicaba recebeu mais de R$ 34 milhões em repasses estaduais oriundos do IPVA (Imposto sobre Propriedade de Veículos Automotores). O valor é 6,25% maior que o repassado no mesmo mês de 2017 (R$ 32 mi). No entanto, o montante está abaixo do previsto pela prefeitura para o período, conforme a LOA (Lei Orçamentária Anual) 2018, cuja estimativa é arrecadar até R$ 92 milhões com o imposto ao longo do ano.
 
Segundo o secretário de Finanças, José Admir Leite, apesar do crescimento da arrecadação do tributo, o valor é proporcionalmente menor à expectativa de 2017. “Mesmo a arrecadação sendo superior, janeiro deste ano representou 36,9% do total previsto. Em janeiro de 2017, a prefeitura arrecadou R$ 32 milhões, 38,05% do total arrecadado no ano, que foi de R$ 84 milhões.”
 
Para Admir, somente no fim de fevereiro será possível dizer se houve ou não aumento na arrecadação do IPVA em Piracicaba. “Neste momento, é preliminar dizer que haverá crescimento na arrecadação do IPVA em 2018 comparado com 2017, pois há outros fatores a analisar como antecipação do pagamento — mais contribuintes podem ter decidido pagar à vista ou ter pago a cota única em janeiro — ou aumento da frota em janeiro (novos veículos e renovação)”, completou.
 
O secretário lembrou que, do total da arrecadação do IPVA, o valor é repartido entre Estado e município onde, deste total, os governos são obrigados a aplicar 25% na Educação e 15% na Saúde, além de o valor ser parcialmente aplicado nos diversos custeios da administração pública, principalmente no pagamento de salários e encargos de servidores, pagamento de serviços terceirizados, merenda escolar e compra de medicamentos. “O IPVA representou em 2017, 7% da arrecadação total da prefeitura”, informou.
 
 
PAGAMENTO — O calendário de pagamento do imposto teve início em 9 de janeiro, quando os contribuintes puderam quitar o IPVA 2018 em cota única, com desconto de 3%, ou parcelar o tributo em três vezes — janeiro, fevereiro e março —, de acordo com o final da placa do veículo.