Rodovias devem receber 307 mil veículos

rodovia Polícia Rodoviária iniciou Operação Padroeira. ( Foto: Claudinho Coradini / JP)

Mais de 307.400 mil veículos devem trafegar pelas rodovias administradas pela Concessionária Rodovias do Tietê durante a Operação feriado do dia 12 de Outubro – Dia de Nossa Senhora Aparecida e Dia das Crianças-, que começa hoje e segue até domingo. A expectativa de tráfego para a rodovia Jornalista Francisco Aguirre Proença, entre Campinas e Tietê, é de aproximadamente 67.400 mil veículos. Nas rodovias Marechal Rondon, entre Tietê e Bauru, e Rodovia do Açúcar Comendador Mario Dedini, entre Salto e Piracicaba a expectativa de tráfego é de aproximadamente 216.000 mil e 24.000 mil veículos, respectivamente. Já a A Autoban – concessionária que administra o sistema Anhanguera-Bandeirantes – estima que 710 mil veículos passem pelas duas rodovias entre saída e chegada à Capital, no período dos quatro dias. Na SP-127 (Rodovias Fausto Santomauro, Cornélio Pires e Antônio Romano Schincariol), entre os municípios de Rio Claro e Tatuí, estima-se um total de 58 mil veículos. Para hoje, a previsão é que o tráfego seja mais intenso das 14h às 20h.

O Comando de Policiamento Rodoviário, órgão de execução da Polícia Militar do Estado de São Paulo, alinhado ao Movimento Paulista de Segurança no Trânsito e ao Programa de Redução de Acidentes de Trânsito e Segurança Viária, desencadeou de hoje até o domingo, a “Operação Padroeira – 2018” nos mais de 22.000 quilômetros da malha rodoviária do Estado de São Paulo.

De acordo com corporação, durante todo o feriado, a atuação do Policiamento Rodoviário terá o foco na prevenção criminal, no entanto fiscalizará também a segurança do trânsito verificando, principalmente, o excesso de velocidade, a embriaguez na condução dos veículos, as ultrapassagens proibidas, o uso de cinto de segurança e assentos infantis, o uso do celular ao volante, além do uso de capacetes por motociclistas.

O Policiamento Rodoviário permanecerá em regime especial de trabalho, com redução de folgas e emprego do efetivo administrativo, potencializando a ação ostensiva, atuando de forma estratégica, em dias, horários e locais conforme o volume de tráfego e índices de vulnerabilidade.

Serão em média 1.475 homens e mulheres, por dia, empregados de forma estratégica em 126 Bases Operacionais fixas, além do empenho de 415 viaturas por dia em média, visando garantir a segurança pública e a fluidez do trânsito.

( Da Redação)