Rogerinho bate argentino e vai às quartas no Brasil Open; Monfils é eliminado

Rogério Dutra Silva será o representante do Brasil nas quartas de final do Brasil Open. Rogerinho avançou na chave do torneio de nível ATP 250, disputado no saibro no Ginásio do Ibirapuera, em São Paulo, ao vencer na noite desta quinta-feira o argentino Nicolas Kicker pelo placar de 2 sets a 0, com parciais de 6/4 e 6/2. Mais cedo, o francês Gael Monfils, quarto cabeça de chave, se despediu da competição.

Na briga pela vaga na semifinal, Rogerinho vai encarar nesta sexta outro tenista da Argentina. Será Horacio Zeballos, que despachou o brasileiro Thomaz Bellucci na rodada de abertura e, nesta quinta, despachou Gael Monfils. Rogerinho e Zeballos vão se enfrentar pela terceira vez no circuito profissional. O argentino, atual 69º do mundo, venceu os dois jogos anteriores – o brasileiro leva vantagem em torneios de menor expressão, como Challengers e Futures.

Ainda em busca do seu primeiro título da carreira em nível ATP, Rogerinho vai disputar um duelo de quartas de final pela terceira vez no circuito. A última delas foi disputada em Umag, no ano passado. Antes, o tenista de 34 anos jogou quartas em Kitzbuhel, em 2012.

Único brasileiro ainda vivo no torneio – também na chave de duplas -, Rogerinho foi superior a Nicolas Kicker, 96º do ranking, ao longo de toda a partida nesta quinta. A primeira quebra de saque, contudo, veio somente no último game do primeiro set. O brasileiro precisou de quatro set points para selar o triunfo na parcial.

No segundo set, Rogerinho se mostrava superior desde o primeiro game. Kicker impôs resistência, mas acabou sofrendo nova quebra de saque no sexto game. O brasileiro abriu 4/2 no placar e sustentou a vantagem até selar a vitória, após 1h28min de duração.

Na sequência, Rogerinho vai duelar com Zeballos, que surpreendeu nesta quinta ao despachar Monfils, uma das principais estrelas desta edição do Brasil Open. O argentino derrotou o francês, que já foi Top 10 do ranking, por 2 sets a 1, com parciais de 6/3, 3/6 e 6/3, em 2h04min de confronto.

Monfils, que não conseguir exibir maior brilho nesta gira sul-americana de saibro, esteve aquém do esperado ao longo dos três sets. No primeiro, chegou a dar um susto na torcida ao escorregar e sofrer uma queda em quadra. Ele sentiu dores na mão esquerda, por causa da queda, e até recebeu atendimento médico.

Na sequência, não demonstrou dores no local e jogou normalmente. Após perder o set inicial, equilibrou o duelo na segunda parcial e forçou a disputa do terceiro set. No entanto, Zeballos voltou a elevar o nível na parcial decisiva e não deu chances ao francês, que terminou o jogo com 16 aces, contra apenas dois do argentino.