Santos vence o clássico e soma a terceira vitória seguida

Peixe completou 10 anos sem perder em casa para o rival no Brasileirão (Foto: Ivan Storti/Santos FC)

O Santos venceu o Palmeiras por 2 a 0 na noite da última quarta-feira (9), pelo placar de 2 a 0, ultrapassou o rival e assumiu a 2ª posição no Campeonato brasileiro 2019, com 47 pontos. O Verdão também tem 47 pontos, mas leva desvantagem no número de vitórias (14 a 13). Gustavo Henrique e Marinho marcaram os gols do confrontos, sendo que ambos foram anotados antes dos 20 minutos de jogo. O Alviverde volta a campo no sábado (12), às 21h, diante do Botafogo, em São Paulo. O Alvinegro enfrenta o Internacional, no domingo (13), às 16h, em Porto Alegre.

Após um término de turno irregular, o Santos conquistou sua terceira vitória seguida sem sofrer gols, já que venceu o CSA (2 a 0) e Vasco (1 a 0), sendo que essa é a segunda maior sequência de vitórias da equipe na competição. O revés significou a primeira derrota de Mano Menezes no comando do Palmeiras, já que em seus sete jogos anteriores, conquistou cinco vitórias e dois empates.

O jogo também aumentou o jejum do Verdão sobre o rival jogando na Vila Belmiro no Campeonato Brasileiro. A última vitória Alviverde nestas condições foi na edição de 2009, quando venceu por 3 a 1, gols de Diego Souza, Robert e Vágner Love, com Luizinho marcando o tento Alvinegro. Desde aquela partida, foram oito jogos no estádio centenário, com sete vitórias do Santos (contando com o jogo de quarta) e um empate. As equipes só não se enfrentaram no urbano Caldeira em 2013 (em razão do Palmeiras estar na 2ª divisão) e 2018 (o jogo foi no Pacaembu).

SÃO PAULO

No outro jogo de quarta envolvendo um clube paulista, o São Paulo empatou com o Bahia em 0 a 0, e estacionou na 5ª posição, com 40 pontos, mantendo dois de distância para Internacional, Grêmio e Bahia, que vem logo na sequência, com 38 pontos cada. Além do e não conseguir a vitória, o Tricolor Paulista terminou o ano sem vencer ou marcar gols na equipe baiana, já que foram quatro jogos (360 minutos), com dois empates em 0 a 0 e duas derrotas por 1 a 0. Juanfran e Pablo saíram machucados do jogo e preocupam para a sequência da competição.

Mauro Adamoli