Seis pessoas são baleadas em Belford Roxo, na Baixada Fluminense

Seis pessoas são baleadas em Belford Roxo, na Baixada Fluminense
Fonte: Agência Brasil

Seis pessoas foram baleadas, no final da madrugada de hoje (27) no bairro da Prata, no local conhecido como Igrejinha, em Belford Roxo, na Baixada Fluminense, por vários homens que passaram de carro atirando.

A Polícia Militar informou que as vítimas foram levadas para o Hospital Geral de Nova Iguaçu, conhecido como Hospital da Posse. Os feridos estavam em frente a um bar, quando um carro passou em alta velocidade atirando contra as pessoas, que estavam sentadas na calçada.

Quatro feridos foram medicados e receberam alta. Dois deles, em estado grave, continuam internados. 

Policiais do 39º batalhão da Polícia Militar de Belford Roxo foram acionados para verificar o que tinha ocorrido, mas quando chegaram ao local, as vítimas tinham sido levadas para o hospital em carros particulares. Os criminosos fugiram. A Delegacia de Homicídios da Baixada Fluminense está investigando o caso.

Outra ação

No final de semana, equipes da Delegacia de Homicídios da Baixada Fluminense realizaram a Operação Mercenários, no bairro da Prata, onde as seis pessoas foram baleadas na madrugada de hoje. 

A investigação teve início após a morte de Valdemir Rodrigues de Oliveira, de 24 anos, ocorrida no dia 7 de junho . A vítima estava fornecendo informações sobre a quadrilha de milicianos que age na região para grupos rivais. 

A ação teve como finalidade cumprir 22 mandados de busca e apreensão em endereços de investigados pelo crime e contou com a participação do Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado (Gaeco) do Ministério Público do Rio.

Na ação, foram apreendidas três pistolas, duas espingardas calibre 12; carregadores de pistola, munições de diversos calibres; calças táticas, rádios comunicadores; cadernos com anotações de cobrança de milícia, uma máquina de caça-níquel e dois veículos roubados foram recuperados na ação (Um Fiat Uno e um Gol).

Foram presos em flagrante por porte/posse de arma de fogo e munição, os milicianos Diego Henrique de Moraes, de 32 anos, Igor Alves de Souza, de 22 anos e Valmor Costa da Silva, de 28 anos.
 

Seis pessoas são baleadas em Belford Roxo, na Baixada Fluminense