Seleção Feminina é convocada para a Copa do Mundo

Formiga se tornará a jogadora com mais Copas do Mundo disputada na história, com sete (7)

O técnico Oswaldo Alvarez, o Vadão, anunciou na última quinta-feira (16), a convocação da Seleção Brasileira para a Copa do Mundo de Futebol Feminino, que acontece entre os dias 7 de junho a 7 de julho, na França. A lista conta com a experiência de Marta, Cristiane, Formiga e Andressa Alves, além de futuros talentos, como a atacante Ludmilla. Formiga (41) disputará sua sétima Copa do Mundo, ultrapassando a japonesa Homare Sawa para se tornar a atleta com mais mundiais na história.

As jogadoras convocadas foram as seguintes: Goleiras: Aline (Tenerife-ESP), Bárbara (Avaí/Kindermann) e Letícia (Corinthians). Laterais: Fabiana (Internacional), Letícia Santos (Sand-ALE), Tamires (Fortuna-DIN) e Camila (Orlando Pride-EUA). Zagueiras: Érika (Corinthians), Kathellen (Bordeaux-FRA), Mônica (Corinthians) e Tayla (Benfica-POR). Meio-campistas: Andressinha (Portland-EUA), Formiga (PSG-FRA), Adriana (Corinthians) e Thaísa (Milan-ITA). Atacantes: Bia Zaneratto (Incheon Steel Red Angels-COR), Cristiane (São Paulo), Raquel (Huelva-ESP), Debinha (North Carolina-EUA), Geyse (Benfica-POR), Ludmilla (Atlético de Madri-ESP), Marta (Orlando Pride-EUA) e Andressa Alves (Barcelona-ESP).

O técnico falou sobre a expectativa na Seleção Brasileira, ressaltando que o número de equipes postulantes ao título aumentou, complicando para todas, não apenas para o Brasil. “Houve um aumento das seleções que vão disputar o título. Mas essa dificuldade não é só para nós. Haverá confrontos que poderá culminar na saída de grandes seleções. Nosso otimismo está na cabeça de cada um de nós, de cada uma das meninas. Nossa expectativa é altamente positiva, temos atletas de qualidade ímpar. Hoje se fala muito de plano tático, que é imprescindível. Temos atletas que podem resolver problemas com jogadas individuais, coisa que pouca gente tem, mas temos esse privilégio. Estamos otimistas de fazer uma grande campanha e buscar esse almejado título mundial”, explicou.

A Seleção Feminina estreia na Copa do Mundo no dia 9 de junho (domingo), às 10h30, contra a Jamaica, em Grenoble. Logo em seguida enfrentará a Austrália, no dia 13 (quinta-feira), às 13h, em Montpellier e finalizará sua participação na primeira fase contra a Itália, no dia 18 (terça-feira), ás 16h, em Valenciennes.

Mauro Adamoli