Senado dos EUA aprova acordo orçamentário de 2 anos, que segue para a Câmara

O Senado dos EUA aprovou na madrugada desta sexta-feira um amplo acordo orçamentário bipartidário de dois anos e um projeto de gastos, numa tentativa de reverter a paralisação parcial (o chamado “shutdown”) do governo americano, iniciada à meia-noite.

A proposta será encaminhada agora para a Câmara dos Representantes.

Os senadores aprovaram o acordo por 71 votos a favor e 28 contra, superando objeções de republicanos que alegam que a proposta levaria ao aumento indiscriminado do déficit fiscal.

A votação do acordo ficou paralisada no Senado ontem à noite, quando um de seus opositores, o senador republicano Rand Paul, se recusou a apoiar uma tramitação acelerada do assunto.

A atitude de Paul levou o Congresso a perder o prazo, até meia-noite de quinta para sexta, para aprovar uma medida de financiamento que garantisse o funcionamento do governo, dando início à paralisação.

A expectativa é que o acordo seja aprovado por uma estreita margem na Câmara, uma vez que líderes republicanos se esforçam para convencer deputados mais conservadores a apoiar o projeto. Fontes: Associated Press/Dow Jones Newswires.