Sindicato dos Comerciários vai acionar a Justiça para resolver impasse sobre horário de Natal

Patrões e empregados tentam nova rodada de negociação. (Foto: Claudinho Coradini/JP)

Sem acordo para a convenção coletiva até ontem (3), em relação ao funcionamento especial do comércio para o feriado de sábado (8) e também para o período de 11 a 23 de dezembro, Roberto Previde, presidente do Sincomerciários (Sindicato dos Empregados no Comércio) de Piracicaba, afirma que entrará amanhã (5) com liminar na Justiça do Trabalho para que as lojas não abram. “Eles (sindicato patronal) querem tirar a bonificação, que conseguimos em 2017, de R$ 280 e deixar a folga do feriado de Carnaval. Antes, queriam tirar a folga. Nem cesta básica aceitaram dar aos trabalhadores. Já fomos obrigados a concordar com a reposição salarial de 3,69%. Agora, não vamos aceitar que tirem nenhum direito”, justifica Previde.