Sinfônica de Piracicaba toca a 5ª Sinfonia de Beethoven e Tchaikovsky

As apresentações marcam a estreia da OSP em 2019 (Foto: Rodrigo Alves) As apresentações marcam a estreia da OSP em 2019 (Foto: Rodrigo Alves)

A Temporada 2019 da OSP (Orquestra Sinfônica de Piracicaba) promete um passeio por diferentes períodos da música clássica e a presença de maestros e solistas convidados nos concertos mensais. A apresentação de estreia acontece hoje, às 20h, no Teatro Municipal Dr. Losso Netto, também com sessão extra, às 17h30, ambas com ingressos esgotados. A 5ª Sinfonia de Beethoven, uma das mais conhecidas na música clássica, está no repertório, sob regência do maestro piracicabano Jamil Maluf.

“Até quem não conhece muito a música clássica já escutou, inúmeras vezes, o primeiro movimento da 5ª Sinfonia, caracterizado pelo ‘pam-pam-pam-pam’ logo no início. É uma obra revolucionária, de desenvolvimentos rítmico, melódico e harmônico incomparáveis, e que desperta no público vários sentimentos”, explica Jamil Maluf, diretor artístico e regente titular da OSP.

Outra obra que integra o programa é a Abertura-Fantasia Romeu e Julieta, de Tchaikovsky, cuja estreia ocorreu em 1870. A peça é inspirada na obra homônima de Shakespeare e remete ao clássico conflito entre as famílias Montéquios e Capuletos. Conforme lembra Jamil Maluf, a abertura possui “versos de um lirismo inigualável”.

5 ANOS

Em 2019, a OSP completa cinco anos do trabalho de reestruturação. Desde então, 70 mil pessoas assistiram aos concertos mensais gratuitos, realizados com recursos da Prefeitura do Município de Piracicaba, por meio da SemacTur (Secretaria Municipal da Ação Cultural e Turismo). A OSP mantém ainda três projetos sociais de educação musical (ABC do Dó, Ré, Mi, Música nas Escolas e Pequena Grande Orquestra), que nos últimos três anos foram levados a 21 mil crianças da rede pública da cidade, a partir de subvenção da Secretaria Municipal de Educação.

A Temporada 2019 tem como patrocinadoras, via Lei Federal de Incentivo à Cultura, a Lei Rouanet, as empresas Caterpillar, Comgás, Hyundai e Oji Papéis Especiais. O apoio é da revista Arraso e Jornal de Piracicaba, Empem, Oscip Pira 21, Cultura Artística e Rádio Educativa FM.

Da Redação