Ex-diretora da Câmara é acusada de enriquecimento ilícito

A Justiça de Piracicaba acatou a ação civil pública proposta pelo Ministério Público contra a ex-diretora financeira da Câmara de Vereadores, Kátia Mesquita, e seu ex-companheiro, o funcionário público José Edivaldo Parisotto. O casal é acusado de violação dos princípios administrativos e enriquecimento ilícito. De acordo com o promotor Luciano Gomes de Queiroz Coutinho, de […]

Leia Mais