Tarifa Residencial Social de Água em Piracicaba: cadastro começa em novembro

Semae vai abrir período de inscrição para que a população se cadastre para ter direito a Tarifa Residencial Social (Crédito: Arquivo/JP)

O Serviço Municipal de Água e Esgoto (Semae) começa, no próximo dia 1º de novembro, o cadastramento das famílias de baixa renda que terão desconto na tarifa residencial social de água. Aquelas que estão na faixa de consumo até 10 m3 terão desconto de 50% e, entre 11 e 20 m³ de consumo, 25%. A medida, anunciada em maio pelo prefeito Barjas Negri, atende à Resolução nº 251 da Agência Reguladora Ares-PCJ.

Durante os últimos meses, técnicos do Semae, Secretaria de Assistência e Desenvolvimento Social (Smads) e da Prefeitura discutiram como implementar a tarifa residencial social. Terão direito ao benefício as famílias cadastradas no Cadastro Único para Programas Sociais (CadÚnico), com renda mensal per capita por morador de até meio salário-mínimo (R$ 499) e com a conta ativa.

Para atender as famílias, o Semae terá 5 pontos. O primeiro na sua sede da rua XV de Novembro (Bairro Alto) e os demais nos polos de atendimentos na Paulista, Piracicamirim, Santa Teresinha e Poupatempo (Centro), que funcionam entre 8h e 16h, de segunda a sexta-feira (veja relação abaixo).

(Crédito: Divulgação/Semae)

Um dos documentos importantes para o cadastramento é o Registro do CADÚnico. A Smads emite este comprovante nos sete Centros de Referência de Assistência Social (CRAS), que estão nos bairros do Jardim São Paulo, Jardim Novo Horizonte, São José, Mario Dedini, Piracicamirim, Vila Sônia e Centro (relação anexada). A relação dos postos de atendimento do Semae estão nos portais da autarquia e da Prefeitura, como também no SIP 156.