Thame desiste do Senado e disputa reeleição a federal

senado Thame: coligação tinha candidatos a senador. (Claudinho Coradini / JP)

O deputado federal Antonio Carlos Mendes Thame (PV) desistiu da candidatura ao Senado e disputará a reeleição à Câmara dos deputados. Ele disputará o sexto mandato consecutivo. O parlamentar disse que mudou de ideia para que o seu partido pudesse disputar as eleições deste ano com candidatos a deputado estadual e federal.

“Como o PV não teve chapa completa de candidatos a deputado estadual, precisava fechar coligação majoritária com o PSB, de Márcio França, para que tivesse a chance de ter representantes nas esferas estadual e federal. Pensando no futuro do partido, aceitei disputar uma vaga na Câmara, já que a coligação tinha candidatos definidos ao Senado”, declarou Mendes Thame.
Durante convenção estadual do PV, que ocorreu no último dia 21 de julho, Thame havia sido o nome escolhido pelo partido para concorrer a uma cadeira ao Senado Federal pelo Estado de São Paulo e havia mencionado a satisfação em disputar o cargo nessas eleições.

NOVA POSTURA – Diante desse novo cenário, o vereador Pedro Kawai (PSDB), escolhido pelo partido para disputar uma cadeira na Câmara dos Deputados, disse que será necessário regionalizar sua campanha, já que a disputa ficou mais acirrada. Ao aceitar concorrer à vaga para deputado federal, Kawai havia levado em consideração o fato de que Thame disputaria pelo Senado. Entre suas metas de campanha estava a de conquistar os então eleitores de Thame.

“Com o anúncio de que ele volta a disputar uma vaga para deputado federal, nossa campanha terá algumas alterações, no intuito de conquistar novos eleitores”, disse. Segundo Kawai, a colônia japonesa no Estado é forte aliada de sua candidatura e, além disso, ele não descarta a possibilidade de ganhar votos de antigos eleitores de Thame. “Tenho todo respeito ao meu concorrente, sei que é um candidato forte, mas minha posição como candidato neste pleito é a mesma”, disse o tucano.

ELEIÇÕES 2018 – Em Piracicaba 13 nomes estão confirmados até o momento, para a disputa eleitoral deste ano, sendo nove candidatos a deputado estadual e quatro a federal. A maioria dos postulantes teve a candidatura definida nas convenções partidárias que aconteceram durante o final de semana.

Pelo PPS (Partido Popular Socialista) Roberto Morais, concorre para deputado estadual e tenta a 5ª reeleição. Também disputam uma cadeira na Assembleia Legislativa os candidatos Paulo Camolesi e Júlio Menezes (Rede), o tucano Marco Bicheiro, Paulo Campos (PSD), Ana Paula Pavão (PR), a petista Maria Izabel Azevedo Noronha, a Bebel, Denize Junqueira (SD) e Paulo Eduardo (PSC). Para a Câmara dos Deputados, estão definidos os nomes de José Luiz Ribeiro (SD), Fausto Longo (MDB), do tucano Pedro Kawai e de Mendes Thame (PV).

(Fernanda Moraes)

 

O Jornal de Piracicaba está publicando matérias com todos os candidatos a deputado estadual e federal, cujo domínio eleitoral seja a cidade de Piracicaba. Isso para obedecer ao Princípio da Isonomia e não privilegiar a exposição de um candidato em detrimento a outro.