Tufão Hagibis deve atingir ilha principal do Japão no sábado

Tufão Hagibis deve atingir ilha principal do Japão no sábado
Fonte: Agência Brasil

O tufão Hagibis pode atingir o leste do Japão no sábado (12), com fortes ventos e chuvas torrenciais em várias regiões do país.

A Agência de Meteorologia do Japão informou hoje que o grande e violento tufão estava próximo das ilhas Ogasawara, no Oceano Pacífico, se movendo rumo ao norte. Ventos de mais de 113 quilômetros por hora foram observados na ilha Chichijima.

Tempestades são esperadas ao largo da costa do Pacífico, nas regiões leste e oeste do Japão, nesta sexta-feira.

As regiões de Tokai e Kansai podem registrar entre 200 e 300 milímetros de chuva por um período de 24 horas até sábado de manhã. De 100 a 200 milímetros de chuva poderão ser observados na região de Kanto-Koshin, 100 a 150 milímetros em Shikoku e 50 a 100 milímetros em Tohoku.

Mais chuvas são esperadas no leste e norte do Japão durante o domingo.

A agência pede que a população se mantenha atualizada sobre o tufão e se prepare para fortes ventos e chuvas nos três dias do fim de semana.

Transporte e telefonia

A Companhia Ferroviária JR Leste informou que deve suspender alguns serviços de trem neste fim de semana por causa da passagem do tufão na região metropolitana de Tóquio.

A companhia japonesa disse que vai anunciar a decisão de possíveis cancelamentos em seu site, nesta sexta-feira (11).

Quatro grandes operadoras de telefonia do Japão estão se preparando para possíveis interrupções nos serviços. As empresas dizem que estão se organizando para enviar estações móveis de telefonia e veículos de fornececimento de energia. Também estão trabalhando para assegurar funcionários suficientes para lidar rapidamente com eventuais problemas.

Um tufão que atingiu o país no mês passado causou blecautes em massa na província de Chiba, perto de Tóquio, e muitas pessoas ficaram sem acesso a serviços de telefonia móvel.

*Emissora pública de televisão do Japão

 

Tufão Hagibis deve atingir ilha principal do Japão no sábado