Um interior cheio de história

York Minster, maior igreja gótica do norte da Europa

Tem o desejo de visitar a Inglaterra, mas quer escapar dos destinos comuns como Londres, Manchester e Liverpool? O interior inglês está repleto de atrações históricas, como o lar de Robin Hodd, Jane Austen e Willian Shakespeare. Cada cidade é única e contém roteiros incríveis, deslumbrando os turistas com atrações e histórias centenárias e até milenares.

: “Roman Baths” são simples, mas sublimes ao mesmo tempo

BATH

Localizado do interior do sudoeste da Inglaterra, Bath é uma típica cidade inglesa interiorana, com prédios georgianos, lindos jardins, além de um clima provinciano por parte de seus moradores. A história do local é rica e importante para o país em razão da histórica escritora Jane Austen, autora de “Orgulho e Preconceito”, que viveu no local. As “Roman Baths” (Termas Romanas), construídas pelos romanos antes de Cristo, é um dos monumentos mais importantes do país e é patrimônio cultural da Unesco. O local atrai milhares de visitantes, porém os mesmos não podem se banhar no local, já que suas águas são classificadas como impróprias devido ao alto índice de chumbo e à contaminação radioativa que sofreram durante a Primeira Guerra Mundial.

Robin Hood, lenda mais que viva na pacata Nottingham

NOTTINGHAM

Conhecida como lar do personagem folclórico Robin Hood, a cidade de Nottingham mantém viva a história do arqueiro verde, já que em todo o mês de agosto, acontece o Robin Hood Festival, na floresta Sherwood, que conta com brincadeiras e atores vestidos com roupas típicas da época. Construído no ano de 1.067, o Castelo de Nottingham fica no alto de uma colina de 40 metros, sendo uma grande fortaleza medieval durante a Idade Média.

Outra atração é a Cidade das Cavernas, remontando a Era Medieval, já que etá escondido com mais de 500 cavernas de arenito, em que é possível fazer tours guiados para aprenderam sobre os eventos que ocorreram no local, já que foi onde milhares de pessoas procuraram refúgio durante a Segunda Guerra Mundial.

YORKYork é a aquela cidadezinha ideal para quem gosta de explorar os lugares a pé, com suas pitorescas casas de chá e a infinidade de passeios temáticos em igrejas e restaurantes. Maior catedral gótica do norte da Europa, a York Minster é um local que remete ao século 8.

Fechada para carros (em razão do espaço), as ruas de Centro Histórico são uma verdadeira mistura com a história e a modernidade, com diversas fachadas e vitrines retrô. Construída no século 14, a The Shmables é a rua mais estreita do local, e contém a loja “The shop that must not be named”, com produtos da série de filmes Harry Potter.

 

STRATFORD-UPON-AVON

A cidade de Stratford-Upon-Avon, ou simplesmente Stratford é a outra que tem uma importância ímpar para a história da Ingletarra, sobretudo para a literatura, já que foi o local de nascimento de William Shakespeare. O local não esconde as raízes de seu morador mais famoso, já que há diversas atrações como o Shakespeare’s Birthplace (local onde ele nasceu), Anne Hathaway’s Cottage (casa em que ele cresceu), Hall’s Croft (casa de Suzanna, sua filha mais velha) e o Mary Arden’s Farm (local de nascimento de sua mãe). As entradas não são gratuitas, mas são imperdível para os amantes de história e literatura.