Universidade sedia exposição de quilts até dia 15

Está disponível para visitação gratuita no hall do prédio administrativo do campus Taquaral da Unimep, até o próximo dia 15 deste mês, a exposição Quilts, Trabalhos que Encantam e Contam Histórias. A mostra, iniciativa do NUC (Núcleo Universitário de Cultura da Unimep), é composta por cerca de 15 miniaturas de reproduções de quilts de mulheres que viveram no período da Guerra de Secessão e trabalhos da professora de patchwork Themis Slobodian Motta Abdo.
 
 
Os mini quilts são reproduções de autoras como Kathleen Tracy, Jo Morton, Pam Buda, Lori Smith, Debbie Mumm e Carol Hopkins. A palavra inglesa quilts significa, de acordo com Themis, uma espécie de colchão ou almofada. “Os quilts têm sido a maior inspiração artística dos últimos 200 anos. São reconhecidos por historiadores e críticos como o maior legado da arte folclórica da América e ganharam destaque em paredes do mundo todo”, comentou a professora.
 
 
Os trabalhos têm inspiração no contexto histórico da Guerra de Secessão, também conhecida por Guerra Civil Americana, que ocorreu entre 1861 e 1865, nos Estados Unidos. Conforme Themis, em um período onde os tecidos estavam escassos devido à guerra entre o norte e o sul, as mulheres contribuíram com centenas de colchas de retalhos para enviar aos soldados, tanto nos acampamentos como em hospitais. “Nos encontros que aconteciam na maioria das vezes em igrejas, escolas, as mulheres faziam, também, miniaturas para entreter as crianças”, disse.
 
 
Segundo Themis, o objetivo da exposição é divulgar os trabalhos dessas figuras femininas que ficaram para a história. “Hoje, vários quilts daquele período que resistiram ao tempo estão em museus e colecionadores particulares e servem como catálogos para designers reproduzirem os padrões que usavam na época”, disse.
 
 
SERVIÇO — Exposição Quilts, Trabalhos que encantam e contam histórias, no campus Taquaral da Unimep (rodovia do Açúcar, km 156). Visitação: até 15 de março, de segunda a sexta-feira, das 8h às 22h, e aos sábados, das 9h às 16h. Entrada gratuita. Informações: (19) 3124-1603.