URGENTE: Câmara rejeita instauração da CPI do Semae

Câmara adia votação da CPI do Semae (Crédito: Claudinho Coradini/JP)

A Câmara de Vereadores de Piracicaba rejeitou  nesta segunda-feira (11)  – por 12 votos contra dez – a instauração  da CPI (Comissão Parlamentar de Inquérito) para apuração de irregularidades no Semae (Serviço Municipal de Água e Esgoto).

 

A justificativa de uma audiência pública agendada para o próximo dia 20 foi o principal argumento para que  processo de investigação fosse extinto. O vereador Ary Pedroso Jr. (SD), que assinou o requerimento da CPI,  foi o primeiro a sugerir o adiamento da matéria por causa da audiência. Ele propôs que o documento fosse adiado por três sessões.

 

O tucano José Aparecido Longatto aproveitou a disposição da maioria em votar pelo adiamento e sugeriu que a votação do documento ocorresse na sessão desta segunda-feira. “A questão aqui não é técnica e sim política, então proponho que a votação aconteça hoje”, afirmou.