Vale a pena usar de novo: brechós são tendência

Seja para quem busca peças de luxo, roupagem vintage ou para adeptos da moda sustentável, os brechós tem modelos para todos os gostos. (Foto: Freepik)

É a vez dos brechós, definitivamente. Da pequena lojinha de bairro às esquinas mais badaladas da Califórnia, a moda agora é garimpar para encontrar aquela peça de roupa que é a sua cara – mas com um preço bem mais acessível.

Movida pelo gosto vintage e pelas influencers do Instagram, a tendência tomou forma e hoje não é nem um pouquinho feio dizer que aquela peça maravilhosa veio de um brechó. Inclusive, algumas lojas do segmento são especializadas em marcas de luxo, que se tornam um pouco mais leves ao bolso.

Siomara Leite e Danielle Kono, são fundadoras e sócias da rede de franquia ‘Brechó Agora é Meu’, empreendimento especializado no mercado de luxo. Há cerca de dois anos, as empresárias perceberam que o perfil dos clientes nesse tipo de negócio é relacionado a quem está interessado em preços justos, tanto para quem vende como para quem compra.

“Antes, ninguém queria vender uma Louis Vuitton, por exemplo, em um brechó comum, pois a loja não poderia pagar um valor justo. Agora, essas pessoas percebem a vantagem de se desfazer de um artigo especial que não vão mais usar, atraindo aos brechós de luxo um novo tipo de cliente, que quer exatamente aquela peça e está disposto a pagar o seu valor”, comenta Danielle.

A alternativa é boa, já que não está nada fácil para o mercado de luxo no Brasil. A crise econômica desencadeou a saída de 25% das marcas internacionais em operação no país nos últimos três anos. Segundo dados da consultoria Euromonitor, em 2016 o setor de luxo encolheu 14,6% no território, e no ano seguinte, 2017, 8,5%.

Para quem está em busca de peças comuns, sem as insígnias de marcas luxuosas, além de bons preços, os brechós também proporcionam uma alternativa interessante para o consumo consciente, principalmente em um momento no qual se pensa tanto em ecologia e na preservação do planeta para as futuras gerações.

Looks hi-low também fazem o garimpo nos brechós valerem a pena. O estilo mistura peças refinadas com outras mais básicas, mix que garante um ar extremamente fashionista e cheio de personalidade. É sucesso no street style e nas passarelas por todo o mundo.

Dri Godoy, produtora de moda, garante que é um investimento gastar um tempinho procurando entre as araras dos brechós, já que encontrar algo com um ótimo custo-benefício é quase certeiro.

“Os brechós oferecem uma infinidade de produtos, desde roupas casuais a tamanhos plus size, em diversos estilos, o que faz com que todos encontrem algo que gostem”, afirma a especialista. “A vantagem é criar looks exclusivos e ter a possibilidade de se fazer um consumo consciente. Comprar em brechós é um estilo de vida e de pensamento”.

Então, deixe o preconceito de lado e mexa-se para o brechó mais próximo. Depois é só aproveitar o resultado fashion e a economia.

Mariana Requena
[email protected]