Vazamento de água dura dois meses no Bairro Verde

Desperdício está próximo da avenida 31 de Março e do Clube do Saudosista. /Foto: Amanda Vieira – JP

Um vazamento de água que dura mais de dois meses intriga a população que mora e trabalha no Bairro Verde, em Piracicaba. Deise Marchi contou que já foram feitas reclamações junto ao Semae (Serviço Municipal de Água e Esgoto), mas até o momento nenhuma ação foi tomada. “Há dois meses está jorrando água limpa. É um desperdício”, contou.

O vazamento de água não passa despercebido devido a sua localização. O problema está bem próximo ao Clube Saudosista, também na avenida 31 de Março. Por meio da assessoria de imprensa, o Semae informou ontem que a manutenção já foi encaminhada para programação da regional.

 

ÁGUA NO FERIADO
Ao menos 50 bairros de Piracicaba devem ficar sem abastecimento de água hoje, Sexta-feira Santa. De acordo com o Semae, a CPFL (Companhia Paulista de Força e Luz) executará a interligação da nova rede de energia elétrica para atender a ETA (Estação de Tratamento de Água) do Capim Fino.

A obra faz parte das melhorias no sistema de fornecimento de energia elétrica para a estação, dando mais confiabilidade ao sistema, devendo minimizar os problemas de interrupção do fornecimento de energia elétrica.

A autarquia informou que o serviço de interligação será executado a partir das 11h30, com previsão para de conclusão até as 16h30. “Durante o período, será interrompida a produção de água, causando falta de água nos bairros”, informou o Semae, em nota. O serviço recomenda aos moradores a reserva antecipada e economia de água durante o período.

Nas redes sociais, o anúncio da falta de água no feriado causou polêmica entre os internautas. Em sua página no Facebook, Rafael Germano, postou que “o Semae se tornou exemplo máximo de má administração”.

Morador no bairro Sol Nascente, ele disse que ontem já estava faltando água no bairro. “Comprovando a incoerência com o edital (comunicado) acima!”, postou.

 

Beto Silva
beto.silva@jpjornal.com.br