Vendas de imóveis crescem 9,4% em 2017, diz CBIC; lançamentos avançam 5,2%

O mercado imobiliário residencial mostrou recuperação na maior parte do Brasil no ano passado, de acordo com pesquisa divulgada nesta segunda-feira, 26, pela Câmara Brasileira da Indústria da Construção (CBIC), considerando dados de 23 capitais e regiões metropolitanas.

Em 2017, as vendas e os lançamentos de imóveis no País cresceram 9,4% e 5,2%, respectivamente, frente a 2016.

As vendas totalizaram 94.221 unidades em 2017, ante 86.140 em 2016. O levantamento registrou aumento das vendas em 14 das regiões pesquisadas, entre elas São Paulo, Distrito Federal, Florianópolis e São Luís. Nas outras 9 regiões, entretanto, as vendas diminuíram – isso ocorreu no Rio de Janeiro, em Manaus, Cuiabá e na região metropolitana de São Paulo.

Os lançamentos chegaram a 82.343 unidades em 2017 frente a 78.286 unidades em 2016. A pesquisa apontou expansão dos novos projetos em 13 regiões (São Paulo, Curitiba, Porto Alegre, Distrito Federal, São Luís, Cuiabá, entre outros), enquanto nas outras 10 regiões houve encolhimento do mercado (Rio de Janeiro, Florianópolis, Belo Horizonte, Belém, Manaus, entre outros).

No passado, as vendas superaram os lançamentos em 11.878 unidades, o que contribuiu para uma redução de 12,3% no estoque de moradias disponíveis para venda, o que abrange imóveis na planta, em obras e prontos.