Volume financeiro médio no segmento Bovespa cai 17% em março

O volume financeiro médio diário total no segmento Bovespa foi a R$ 10,880 bilhões em março ante R$ 13,109 bilhões em fevereiro, queda de 17%. Na comparação com março de 2017 houve aumento de 32,4%.

No mercado à vista a queda foi de 17,3%, para R$ 10,485 bilhões, ante R$ 12,671 bilhões na comparação com fevereiro, e cresceu 32,2% sobre março do ano passado.

A capitalização de mercado média das empresas com ações negociadas na B3 ao final de março atingiu R$ 3,518 trilhões, 1,3% acima de fevereiro e 31,6% maior que março de 2017.

No segmento BM&F, o volume médio diário foi a 3,903 milhões de contratos, alta de 12,8% sobre fevereiro de 2018 e 40,6% acima de março de 2017. Já a receita por contrato média total caiu 5,7% ante fevereiro deste ano, a R$ 1,356, e recuou 6,2% na comparação com março do ano passado.

O número de investidores ativos subiu 3% em março ante fevereiro, para 674,189 mil, e 12,6% ante igual período do ano passado. O número de empresas listadas foi de 401, duas a menos que em fevereiro (403) e seis a menos ante março de 2017 (406).