XV de Piracicaba encara dia decisivo na base e no profissional

futebol O atacante Romarinho é uma das armas do XV de Piracicaba para superar o RedBull. (Foto: Claudinho Coradini/JP)

Em jogo válido pela oitava rodada da Copa Paulista, Red Bull e XV de Piracicaba se enfrentam neste sábado (1º), às 18h30, no estádio Moisés Lucarelli, em Campinas. Com seis pontos, o Nhô Quim ocupa a quinta posição do Grupo 2, podendo assumir a vice-liderança em caso de vitória por dois gols de diferença, aliada a um empate entre Desportivo Brasil e Inter de Limeira, que se enfrentam neste domingo (2). Em quarto lugar com oito pontos somados, o Toro Loko venceu apenas uma partida na competição e busca a segunda vitória para quebrar a sequência de dois empates.

Com a semana cheia para trabalhar, o técnico Cléber Gaúcho, que assumiu o comando da equipe há uma semana, aproveitou o espaço no calendário para conhecer melhor o elenco. “Tentamos colocar alguns conceitos daquilo que entendo que é o melhor para o grupo. Procuro assimilar rapidamente as características dos atletas, para que nas individualidades a gente possa fazer o melhor ajuste, pensando no conjunto. Essa semana foi importante por causa disso”, disse o treinador.

“Já evoluímos em alguns aspectos, que são bem visíveis, em relação à marcação e ao modo de jogar, ficando mais com a posse de bola e não sendo uma equipe apenas de transição. É um time que tem essas características, mas estamos tentando colocar novos conceitos, entre eles ficar mais com a bola no pé, circular mais a bola para que nossos atletas consigam respirar e a gente não fique tão vulnerável, como ficamos em jogos anteriores”, completou Cléber Gaúcho.

Com o zagueiro João Victor suspenso após receber o terceiro cartão amarelo diante do Rio Claro, o treinador deverá realizar apenas uma alteração no time titular em relação à última partida. O jovem zagueiro Caio Souza treinou na equipe principal na última quinta-feira (30) e deve ficar com a vaga deixada pelo capitão do time. Com isso, o Alvinegro será formado por Leonardo; Mario Sérgio, Caio Souza, Gabriel Tonini e Samuel Balbino; Fraga, Pereira e Cassio Gabriel; Romarinho, Lucas Formiga e Marcelo Fernandes.

BASE

Pela última rodada da segunda fase do Campeonato Paulista, as categorias de base do XV de Piracicaba entram em campo fora de casa, neste sábado (1º). Eliminado, o time sub-15 joga às 9h contra o Audax, no estádio José Liberatti, em Osasco. “O objetivo é dar rodagem aos atletas que tiveram um tempo menor em campo ao longo da competição, o que se encaixa na intenção de colocar os jogadores que ainda terão idade em 2019 (sub-15). Esperamos uma boa exibição para encerrarmos bem nossa campanha”, comentou o treinador Rafael Vinicius.

A equipe sub-17 viaja para Araraquara e enfrenta a Ferroviária, às 11h, na Fonte Luminosa. A vitória garante o Nhô Quim na terceira fase da competição, sem depender de resultados. “É mais uma decisão. Tivemos uma na semana passada com a Portuguesa Santista e agora em Araraquara. A preparação foi boa. Os garotos entenderam a responsabilidade que têm pela frente, de colocar o clube em uma posição importante no torneio. Nosso adversário vem sem compromisso e isso pode dificultar as coisas para nós, pois eles podem atuar mais soltos”, disse o técnico do elenco juvenil, Denis Augusto.

Precisando da vitória e dependendo de uma derrota da Ferroviária, que jogará fora de casa contra o São Paulo, o sub-20 confronta o Marília, às 15h, no estádio Bento de Abreu Sampaio Vidal, em Marília. “Conversamos bastante sobre nossa real situação na tabela e o que precisamos para nos classificar. Os meninos entenderam o que foi passado, trabalhamos forte durante a semana e temos tudo para fazer um grande jogo”, disse o técnico Xandão.