“XV tem que minimizar os erros para passar”, afirma Peri

Nhô Quim está entre os oito melhores da competição e volta a campo amanhã, diante do São Bernado (foto: Claudinho Coradini/JP)

Após duas fases e 16 jogos, o XV de Piracicaba é a única equipe da região que está entre os oito melhores da Copa Paulista 2019. Ao contrário dos anos anteriores, quando as equipes se enfrentaram pelas quartas de final, neste ano será mais uma fase de grupos, em que os dois melhores se classificam para as semifinais. “Nós sabemos que nesta fase (terceira), os erros devem ser minimizados, já que na segunda tivemos alguns jogos em que deixamos a desejar, porém agora não tem mais espaço para erro.

Precisamos estar aptos para fazer bons jogos e diminuir os erros, para que quando tivemos as oportunidades, temos que fazer os gols para conseguir as vitórias e a classificação o mais rápido possível”, disse o lateral Peri.

Na terceira fase o Nhô Quim enfrentará o EC São Bernardo (primeiro jogo amanhã, no ABC), Comercial e Linense. De acordo com Peri, o cansaço durante os jogos atrapalhou a equipe, que tem atualmente a 4ª melhor campanha entre os classificados. “Em alguns jogos, tivemos momentos em que o cansaço, tanto o físico, quanto o mental, nos atrapalhou, principalmente no último jogo, que na minha opinião, faltou um pouco mais de aproximação e cobrança dentro de campo, com as linhas um pouco espaçadas”, disse o lateral, ressaltando que o entrosamento também pesou, mas não foi determinante.

Alguns jogadores não vinham atuando como titulares, mesmo isso não sendo desculpa para justificar a derrota”, completou. Em razão de ser a única equipe da chave na Série A2 em 2020 (os outros estão na A3), Peri disse que, se o XV tiver algum tipo de favoritismo, ele tem que ser mostrado dentro de campo. “Todos os outros clubes e a imprensa dirão que o XV será o favorito, mas o favoritismo temos que mostrar dentro de campo.

Não adiante falar da boca pra fora, ter um elenco bom no papel e não darmos a resposta dentro de campo. Temos que trabalhar forte para não sermos surpreendidos nos jogos”, disse. Por fim, o lateral também comentou da nova tabela do XV, que após o jogo em São Bernardo do Campo, terá dois jogos seguidos no Barão (Linense e Comercial) pela primeira vez na competição. “Ter uma sequência em casa é bom, desde que você vença. Se triunfarmos nestes dois jogos, aliado com pontos fora de casa é o ideal.

O XV tem mostrado sua força fora de Piracicaba, porém nos últimos dois jogos no Barão, deixamos a desejar, mas esperamos conquistar o máximo de pontos em casa nesta reta final para nos classificarmos”, concluiu.

Mauro Adamoli
[email protected]