XV vence o Nacional e avança a terceira fase

XV jogou bem e não deu chances aos paulistanos (Foto: Michel Lambstein)

O XV de Piracicaba venceu o Nacional por 3 a 0 na tarde de ontem (18), no Estádio Nicolau Alayon, em São Paulo. Wellington Simião, Robertinho e Luizinho marcaram os gols do Nhô Quim, que chegou a 10 pontos e confirmou sua classificação para a terceira fase da competição, com uma rodada de antecedência. Com a vitória do Mirassol sobre o Água Santa (3 a 1), o XV avança em segundo lugar, já que não tem mais chances de ultrapassar o Mirassol, que tem 15 pontos.

Precisando de uma vitória para se classificar, o XV criou sua primeira chance aos 12 minutos. Primeira boa chance é do XV, que toma a bola saída adversária. Cássio Gabriel roubou a bola na saída de bola do Nacional, tocou para Raphael Macena, que virou e mandou de esquerda, rasteiro, porém Felipe Lacerda encaixou. Um minuto depois, Erick Salles cruzou na cabeça do volante Simião, que mandou no canto esquerdo do goleiro para abrir o placar para o Nhô Quim. Aos 15, o time quase marca o segundo, com Kadu Barone, que tentou duas vezes, de dentro da área, e Felipe Lacerda defendeu.

O XV voltou a assustar com Macena, que pegou sobra na entrada da área e chutou de primeira, porém o goleiro defendeu. Quatro minutos depois, o Nacional assustou em cruzamento da esquerda, em que Peri resvalou de cabeça e a bola chegou para Matheus Lú, que mandou de primeira, passando por cima do gol.

Aos 42 minutos, De Paula, do Nacional, arrematou forte, de canhota, e Luiz Fernando espalmou. Na sequência, Matheus Lú invadiu a área pela direita e bateu cruzado, mas a bola passou perto da trave direita. Um minuto depois, Erick Salles deixou Kadu Barone na cara do gol, o atacante quinzista encheu o pé e Felipe Lacerda espalmou.

No segundo tempo, o Nacional chegou com Denner, que cobrou falta pelo bico esquerdo da grande área, mas a bola passou longe do gol. Aos 7, o XV ampliou o placar em São Paulo. Simião dominou com tranquilidade na área e cruzou na medida para Robertinho completar de cabeça na segunda trave e fazer 2 a 0.

Aos 19 minutos, o Nhô Quim chegou novamente com Luizinho, que finalizou de dentro da área, mas foi travado e a bola sai pela linha de fundo. Aos 32 minutos, Luizinho, após bom lance individual pela esquerda, tocou para Simião, que finalizou da entrada da área e Felipe Lacerda defende em dois tempos.

Luizinho, aos 32 minutos, pegou sobra na entrada da área e tentou de primeira, porém a bola foi pra fora. No lance seguinte, Eder Paulista tentou de longe e a bola passou por cima do gol de Luiz Fernando. Aos 39 minutos, após jogada iniciada por Peri, a bola sobrou para Macena. O camisa nove quinzista finalizou e a bola sobrou limpa para Luizinho empurrar para o gol e fecha o placar para o Nhô Quim.

Mauro Adamoli