Na casa do suspeito, os policiais localizaram tijolo de maconha e revólver (divulgação)

Os policiais militares do 10o Baep (Batalhão de Ações Especiais de Polícia) prenderam um homem que seria integrante do PCC (Primeiro Comando da Capital), facção que age dentro e fora dos presídios. Ele teria se identificado aos policiais que exercia a função de “disciplina” (responsável pela manutenção das ordens dos líderes). Ele foi abordado no início da tarde da sexta-feira (29), no bairro Chapadão. Na casa do suspeito, os policiais teriam localizado um tijolo de maconha e um revólver calibre 38.

Segundo o Setor de Comunicações do Batalhão, às 12h50, durante patrulhamento de ações especiais de polícia no bairro, os policiais teriam visualizado um homem, que teria demonstrado nervosismo após perceber a aproximação dos policiais. Ele estava em frente do portão de sua residência, ele correu para o interior da casa e segurando alguma coisa em sua cintura.

Ele foi abordado, em seguida, pelos policiais e após realizarem uma busca pessoal, os policiais teriam encontrado em sua cintura, um revólver calibre 38 marca, sem numeração aparente, carregado com cinco munições intactas.

O homem teria confessado que era o responsável pela arma. Após busca domiciliar, os PMs teriam localizado na lavanderia, no interior de um armário de utensílios, um tijolo de maconha.

Enquanto estava sendo abordado aos policiais, o homem teria se identificado como disciplina da facção criminosa.

Posteriormente, o suspeito foi conduzido ao 4º Distrito Policial, onde foi autuado em flagrante pelas acusações de tráfico de drogas e porte ilegal de arma de fogo.

Ele foi conduzido à carceragem anexa ao prédio do 1o Distrito Policial, onde ficou até ser apresentado à audiência de custódia.

A arma e o entorpecente foram apreendidos e encaminhados para análise dos peritos do IC (Instituto de Criminalística). Os laudos deverão ficar prontos no período de 30 dias.

A investigação continuará a ser realizada pela Polícia Civil para identificar outros envolvidos.

Cristiani Azanha
[email protected]

Abordagem foi realizada no Chapadão; suspeito tentou fugir dos policiais

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

3 × cinco =