10º Baep prende principal ‘disciplina’ do PCC em Piracicaba

Suspeito tinha mandado de prisão por tráfico de drogas e era foragido do CDP de Porto Feliz (Divulgação)


Policiais militares do 10º Baep (Batalhão de Ações Especiais da Polícia) prenderam um homem que seria integrante do PCC (Primeiro Comando da Capital), facção criminosa que age dentro e fora dos presídios, em Santa Teresinha, nesta quarta-feira (17). Ele teria a função de “disciplina”, na hierarquia do partido. Sua função é coordenar certas regiões da cidade sob delegação do “Geral da Cidade” (líderes) para assuntos relativos à justiça do crime. Também participa e organiza os famosos tribunais do crime, faz justiçamento e impõe a “ética do crime” nas ruas.
De acordo com o Setor de Comunicações do Batalhão, por volta das 17h30, uma equipe fazia patrulhamento na rua João Pedro Correia, quando perceberam que o suspeito teria demonstrado nervosismomotivando assim, a abordagem. Foi realizada a busca pessoal, mas nada de ilícito foi eoncontrado. Após consulta no Copom (Central de Operações da Polícia), os PMs descobriram que ele tinha mandado de prisão preventiva decretada pela Justiça por envolvimento em tráfico de drogas e também era considerado foragido da Penitenciária de Porto Feliz, desde março de 2020.
Ele foi conduzido ao plantão policial e seguiu para carceragem onde pernamece até ser apresentado à audiência de custódia.
TRÁFICO
Em abordagem distinta realizada pelo 10º Baep, por volta das 15h30 de quarta-feira (17), dois homens, que atuariam no tráfico de drogas foram presos no bairro Belinha Ometto, em Limeira. Foram apreendidos 1.174 microtubos de cocaína, 447 porções de maconha, com aproximadamente 3kg, no total, além de 126 pinos vazios e R$ 96.
Os policiais informaram que durante o patrulhamento visualizaram que dois jovens teriam se desesperado ao perceberem a aproximação dos policiais. Um deles permaneceu na calçada, enquanto o outro entrou em uma residência e disse: – “molhou” (gíria para informar criminosos sobre a chegada dos policiais).
Os policiais foram atrás do suspeito e após entrarem na casa constataram que havia grande quantidade de entorpecentes.
Os dois jovens foram abordados e teriam confessado que em uma segunda casa nas imediações havia mais drogas e lá estaria o outro suspeito do esquema, que teria levado os entorpecentes para serem preparados para distribuição.
Foi realizada diligência no local informado. Uma dona de casa, que estava na residência teria acompanhado os policiais nas buscas no quarto do filho, onde foi localizado grande quantidade de drogas, no entanto ele não foi encontrado.
Os dois jovens abordados anteriormente foram encaminhados ao plantão policial e responderão a acusação de tráfico de drogas.

Cristiani Azanha

[email protected]

1 COMMENT

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here

dezesseis + 16 =